Marcha contra o mau cheiro na Avenida Marginal

9/03/2020 01:38 - Modificado em 9/03/2020 01:39

Um grupo de cidadãos pretende convocar uma manifestação pacífica contra o mau cheiro provocado pela fábrica Atunlo. A organização diz que por ser uma questão de saúde pública, todos os sanvicentinos devem se unir a esta causa, com o objectivo de pressionar as autoridades a tomarem uma decisão.

Embora por estes dias não se sinta o cheiro tão intenso pela Avenida Marginal, estes afirmam que a intenção é fazer com que todos adirem à manifestação, contra este problema que pode colocar em causa a saúde pública e que prejudica a imagem da ilha perante aqueles que a visitam. E que acabam por serem vítimas do mau cheiro originado na fábrica de pescado, em pleno centro do Mindelo e que cria “uma má impressão às pessoas que visitam São Vicente”.

Apesar das diversas promessas sobre a resolução definitiva do problema, não acreditam que esta vá acontecer e que parece ser um problema que não diz respeito as autoridades sanitárias da ilha, que no entanto sempre houve declarações no sentido de acabar de vez com o problema, e está claro que o mesmo continua.Neste sentido de consciencializar a todos, sendo que os alertas são muitos, no entanto as autoridades sanitárias parecem não conseguir responder aos apelos da população.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.