Ex-selecionador nacional Rui Águas poderá ser demitido do Santos

25/02/2020 00:47 - Modificado em 25/02/2020 00:47

O ex-selecionador de Cabo Verde, Rui Águas, que integra a equipa técnica da equipa brasileira do Santos, poderá estar de saída do clube, numa altura que o clube brasileiro pondera a demissão do treinador principal Jesualdo Ferreira.

Depois de ter deixado o comando da seleção cabo-verdiana de futebol a 23 de Dezembro do ano passado, para ingressar na equipa técnica de Jesualdo Ferreira, no Santos do Brasil, a ligação com o “Peixe” poderá estar por um fio.

Segundo a imprensa brasileira, o “reinado” de Jesualdo Ferreira no comando técnico do Santos pode durar bem menos do que as partes previam. A próxima semana será “decisiva”, sendo que a direção “não descarta a demissão” do treinador português.

“A pressão sobre o técnico do Santos, cresce a cada dia e aumentou depois da derrota por 2-0 diante do Ituano, para o Campeonato Paulista. Os sinais de insatisfação emanam de vários setores do clube e chegou ao presidente José Carlos Peres, que já sinalizou que tomará uma decisão em breve”, escreve o Globoesporte.

Jesualdo Ferreira tem sido alvo de diversas críticas, não só pelos resultados aquém do esperado, mas sobretudo pelas exibições, que não estão a convencer adeptos e responsáveis pelo clube.

“Antes da partida contra o Ituano, havia um entendimento interno de que Jesualdo Ferreira poderia precisar de mais três jogos para mostrar o seu trabalho e que não haveria mudanças antes disso. Mas a fraca atuação no estádio Novelli Júnior pode abreviar esse prazo”, aponta aquele jornal.

No sábado, o Santos recebe o Palmeiras, naquele que será o derradeiro teste antes da Libertadores (diante do Defensa y Justicia, marcado para 3 de março, na Argentina).

O resultado do clássico com o Palmeiras pode precipitar a saída, isto de acordo com a imprensa brasileira.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.