Samba Tropical quer pôr todos a sonhar numa noite de muito glamour

24/02/2020 00:55 - Modificado em 24/02/2020 00:55
Foto: LIGOC-SV

A Escola de Samba Tropical desfila na noite desta segunda-feira de carnaval, extra competição, com o tema “Todos os sentidos vão dar ao sonho”.

O grupo distingue-se dos outros, por não entrar em competição durante o concurso carnavalesco a quando do desfile dos blocos. Reservam a noite segunda-feira para exibirem o esplendor dos temas com que anualmente brindam os foliões carnavalescos.

A desfilar desde de 1989, este ano a Escola de Samba Tropical quer fazer, como habitualmente promete, o melhor desfile desde que começou a sair.

Após três décadas a desfilar pelas ruas de São Vicente, este ano o grupo trás um recorde de alas, vai sair com um total de mil e duzentos foliões divididos em 23 alas.

Sob a música “Sonhe Divinal”, de Jotacê e Anísio Rodrigues, a dupla detentora do título de Melhor Música do Carnaval de 2018 e de 2019 que vai ao encontro do enredo do grupo, promete um desfile exuberante e ao gosto e sob o olhar cativante de todos.

E é sonhando que o grupo vai levar os espectadores que todos os anos, respondem ao comando, quase imperceptível, do grupo para apreciar um desfile, cheio de cor, brilho e beleza para alegrar a ilha, fazendo juz ao título de “Rainha da Noite” da festa do Rei Momo mindelense.

Para mostrar que os nossos sonhos não têm limite e por isso sua Majestade, Samba Tropical, desce às ruas hoje 24 para encher o circuito carnavalesco de muito ritmo e fantasia, servindo de aperitivo, e que aperitivo, para o que virá na tarde de terça-feira 25 com o desfile oficial do Carnaval de S. Vicente.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.