Vinte pessoas oriundos da China já entraram em Cabo Verde mas ninguém apresenta sintomas de coronavírus

4/02/2020 23:20 - Modificado em 4/02/2020 23:20
Foto: Inforpress

O Diretor Nacional da Saúde (DNS), Artur Correia, garantiu hoje que até à noite de segunda-feira, 03, entraram em Cabo Verde vinte pessoas oriundas da China, mas avança que a Constituição não permite a quarentena de pessoas, porque seria uma privação da liberdade.

Artur Correia assegura que a Constituição não permite fazer internamentos compulsivos, quarentena e sediar pessoas em espaços. “A não ser que haja motivos concretos e os tribunais podem ser acionados para isso. Mas pensamos que ainda não temos uma situação que implique acioná-los para obrigar as pessoas”, disse Artur Correia.

Nisto garante que as pessoas que deram entrada no arquipélago são cidadãos chineses e estudantes cabo-verdianos. Todos eles, diz Artur Correia, foram recebidos por uma equipa no Aeroporto e passaram pela triagem no quadro do sistema de vigilância montado.

As equipas de saúde têm todas as orientações técnicas, afirmou o responsável, e estão a seguir de perto essas pessoas e os seus familiares e há toda uma recomendação no sentido de respeitarem as medidas de segurança para evitarem a entrada ou a propagação do vírus.

Como não é possível a quarentena, o Ministério pediu às pessoas que façam uma quarentena voluntária domiciliar, com medidas protetoras e de restrição social.

Uma dessas medidas, adiantou Artur Correia, é evitar a convivência, a partilha de utensílios, o contato e os espaços onde há multidão.“Pedimos que durante esses 14 dias que façam um esforço limitando nos convívios sociais na família, que façam o uso de máscaras e a reserva de talheres. Se todos fizerem isso com certeza que barraremos a entrada do vírus”, aconselha.

  1. Beto Lomba

    Sinceramente … Vergonhoso!
    Mesmo que quarentena não seja possível, es devia estod na locais isolados e preparados para esse tipo de situação (moda ta ser feito na outros países).Pelo menos 1 desses vinte pessoa, um pode afirma q el tava num dos bares da laginha (SV) ta bibe se cervejinha e ta publica na redes sociais…Um irresponsabilidade grave tanto desse cidadão bem como desse governo que ta otcha que “quarentena voluntária domiciliar” é solução pa algo tão serio. No ta na mão de incompetentes (é so ouvi kel despreparado de kel delegado de saude de SV).

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.