Estudantes cabo-verdianos já começaram a sair da China

31/01/2020 00:14 - Modificado em 31/01/2020 00:14
| Comentários fechados em Estudantes cabo-verdianos já começaram a sair da China

Alguns estudantes cabo-verdianos retidos na China, onde teve origem o novo coronavírus que já matou, segundo últimas informações 212 pessoas, por indicação dos pais estão a sair aos poucos e rumando a Cabo Verde. Uma situação que no entanto levanta preocupações para outros estudantes naquele país asiático.

Conforme a Rádio Pública, em Cabo Verde já estão entre um e dois estudantes, e que nas próximas horas deverão chegar mais. Esses estudantes apelam ao Governo a preparação de uma zona de quarentena para prevenir e evitar uma possível transmissão do coronavírus.

Alguns pais decidiram retirar os seus filhos-estudantes da China, por causa da situação que se vive naquele país asiático, devido ao novo coronavírus que a cada dia faz aumentar o número de infetados e mortos.

A estudante Lilian Barros, disse que os estudantes já haviam previsto a recusa do Governo em trazer-lhes para Cabo Verde. O que queriam, diz, era que o Governo os retirasse de Wuhan, a Cidade epicentro do vírus, e os colocasse numa outra cidade, o mesmo que outros países estão a fazer. No entanto, perante esta recusa, alguns pais decidiram mandar vir os seus filhos e alguns já se encontram no país.

Face à situação, a estudante Cleisy Semedo, em Shangai, pede ao Governo que prepare uma zona de quarentena para prevenir e evitar uma possível transmissão do coronavírus. “A minha preocupação é esta. Estamos aqui, mas não desejamos que o coronavírus chegue ao nosso país”, manifestou.

Apesar do sentimento de preocupação e quase de medo no seio da comunidade cabo-verdiana na China, os estudantes garantem que estão bem, seguros e que têm tudo, tanto para a alimentação quanto para higiene e desinfeção.

De salientar que o Governo afastou a possibilidade de um regresso imediato dos cerca de 13 cabo-verdianos que estudam em Wuhan, em observância a indicações da OMS.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.