ARFSV atribui responsabilidade no atraso do arranque das provas de escalões aos clubes por não respeitarem os “timings”

28/01/2020 00:31 - Modificado em 28/01/2020 00:31
| Comentários fechados em ARFSV atribui responsabilidade no atraso do arranque das provas de escalões aos clubes por não respeitarem os “timings”

O presidente da Associação Regional de Futebol de São Vicente, César Lima, avança que o atraso de duas semanas no arranque das competições de sub-15, sub-17 e campeonato sénior feminino, na ilha, deve-se ao facto das equipas não respeitarem os “timings” propostos pela ARFSV, o que levou ao atraso no arranque das provas.

Com cerca de duas semanas de atraso para o arranque das provas regionais nestas categorias, o presidente da ARFSV veio ao terreiro explicar que da parte da Associação tudo já está delineado, mas que os clubes não têm cumprido com as datas impostas pela mesma.

César Lima garante que os atrasos nas inscrições das equipas acabam por forçar a uma nova calendarização, o que acaba depois por afetar os clubes que têm que fazer a sua preparação de forma “apertada” para o nacional de sub-17 e seniores femininos.

Para já, segundo Lima, até então os sub-17 são a categoria com o maior número de inscrições, com as presenças de Juventude, Cantareira, Batuque FC, Pedra Rolada, Geneva e Real Sociedade. O mesmo perspectiva ainda no decorrer desta semana a inscrição do Estoril.

Nos sub-15 e femininos a história é outra, sendo que nos sub-15, conta-se a presença da Juventude e Cantareira, ao passo que em feminino apenas o Benz Táxi já fez a sua inscrição para as provas oficiais da época em São Vicente.

No entanto a ARFSV tem agendado para a tarde desta terça-feira, 28, uma Assembleia, onde será feita o sorteio das provas, esperando que até lá os clubes efetuem as suas inscrições junto da Associação.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.