Andebol CAN 2020: Cabo Verde perdeu, mas não tremeu frente a Argélia

21/01/2020 01:07 - Modificado em 21/01/2020 01:07
| Comentários fechados em Andebol CAN 2020: Cabo Verde perdeu, mas não tremeu frente a Argélia

A seleção cabo-verdiana de Andebol masculina, apesar do excelente desempenho não conseguiu ultrapassar, esta segunda-feira, a poderosa seleção da Argélia que já conta no seu palmarés com sete títulos de campeão africano, tendo perdido somente pela diferença de dois golos, por 23-25.

Ante a uma das seleções mais fortes do continente africano, a nossa seleção não venceu, mas deixou boas indicações de que, com mais competições a nível internacional, poderá vir a ser uma das seleções de elite do continente. Depois da passagem para os quartas-de-final os tubarões azuis encontram-se inseridos no grupo 2, juntamente com Marrocos, Tunísia e Argélia.

No primeiro jogo desta fase a seleção entrou forte e motivada no jogo, mas a vontade esbarrou numa seleção já com mais experiência nos momentos decisivos do jogo. Em virtude disso a nossa seleção foi para o intervalo a perder por 12-13. Já no segundo tempo voltou a perder por nova diferença de um golo, ou seja, 11-12, foi o resultado do segundo tempo, dai o 23-25 final.

Mesmo com esta derrota o combinado nacional está a dar bom conta de si na prova maior do andebol africano, e nesta quarta-feira, 22, entra novamente em campo para defrontar Marrocos que saiu derrotado frente aos campeões africanos da Tunísia por 31-24.

O regulamento desta competição define que os seis primeiros classificados qualificam-se para o Campeonato do Mundo, ao passo que o vencedor do CAN, apura-se automaticamente para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.