Sob a luz dos fogos de artifício e banhos de mar, São Vicente entra em 2020 com esperanças renovadas

1/01/2020 15:01 - Modificado em 1/01/2020 17:25
| Comentários fechados em Sob a luz dos fogos de artifício e banhos de mar, São Vicente entra em 2020 com esperanças renovadas

Em São Vicente milhares de pessoas assistiram na Avenida Marginal ao espectáculo pirotécnico que é o ponto alto da passagem de ano na ilha. Não faltaram os tradicionais banhos mar, assim como muita luz e cor nos céus e, a fechar, o baile popular na Rua de Lisboa.

Uma multidão disputava o espaço na calçada para assistir de perto o espectáculo de luzes e cores, na avenida mais movimentada da ilha. Foram 18 minutos de fogos, com momentos mais intensos que outros, que marcam as celebrações do novo ano, e deixaram encantados tanto os sanvicentinos como os inúmeros turistas de várias partes do mundo.

Com a entrada do novo ano, a população foi expressando diversos desejos para o ano que agora começa. Lena Rocha, por exemplo, manifestou o desejo de um 2020 de muita felicidade e que tudo de bom aconteça na sua vida. Em relação a São Vicente diz querer mais desenvolvimento, mais oportunidades e principalmente mais trabalho, para que a ilha possa ajudar no sucesso do país. 

“Para São Vicente peço, todos os anos, mais amor, mais alegria e claro mais trabalho: E como tem sido proclamado que este ano, como os outros, este é o ano de São Vicente e com os investimentos que estão a ser feitos, acredito que as coisas estão a mudar. “Oportunidades estão a surgir e temos que aproveitá-las”.

Ivan Rocha, jovem mindelense que se formou no ano passado, pretende realizar os objectivos preconizados e brevemente se inserir no mercado de trabalho.

Para a sua ilha, este jovem, aponta 2020 como o ano de eleições autárquicas e espera que a Câmara consiga colmatar as várias necessidades reivindicadas pela população e que dê uma resposta positiva aos anseios da mesma.

Ao mesmo tempo que decorriam a explosão dos fogos, dezenas de pessoas cumpriram, a tradição de tomar o primeiro banho de mar nas águas do Cais de Alfândega, na Avenida Marginal.

A água, disseram os banhistas, estava boa e o banho serve para dar boas vindas ao novo ano e que esse momento serve para limpar o corpo e a alma, de forma figurativa, de tudo que de errado aconteceu em 2019 de forma a entrar em 2020, com “alma lavada”, diz Augusto Vargas, que quer apenas positividade neste novo ano.

Aquilino Fortes, avança também que esta é uma tradição levada a cabo há muitos anos e com “muito prazer”, em que um grupo de amigos se reúnem e celebram a entrada do ano novo desta forma, com muita alegria, o que é “sempre especial”.

“Todos os anos, antes da meia-noite entro no mar, e tomo o último banho do ano e logo de seguida o primeiro do novo”, diz Didi.

Residente na ilha de Santiago, Sheila diz que esta é a primeira vez que passa o fim de ano em São Vicente e que aproveitou esta oportunidade para tomar este banho, referindo, entretanto, ser uma “excelente sensação”.

Para aqueles que só este ano se estrearam neste tradicional banho, gostaram, e muito, deixando a promessa de o repetirem no final do ano que agora começou.

Depois do espectáculo de fogos de artifício, a população deslocou-se para a Rua de Lisboa para assistir e dançar no tradicional baile popular.

Elvis Carvalho

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.