Índia: Jovem foi queimada viva no dia em que ia depor contra violador

5/12/2019 17:22 - Modificado em 5/12/2019 17:22
| Comentários fechados em Índia: Jovem foi queimada viva no dia em que ia depor contra violador

A vítima de violação foi atacada quando estava a caminho do tribunal. A jovem encontra-se hospitalizada em estado crítico.

Uma jovem, de 23 anos, está a lutar pela vida depois de ter sido atacada durante a manhã desta quinta-feira na capital do estado de Uttar Pradesh, no norte da Índia, avança a agência Reuters. 

A rapariga estava a caminho do tribunal para testemunhar contra o alegado violador quando um grupo de homens – no qual, alegadamente, se encontrava o suspeito – regou-a com querosene (também designado por petróleo iluminante ou óleo de parafina) e pegou-lhe fogo. 

De acordo com a referida publicação, a vítima encontra-se em estado crítico, com 90% do corpo queimado, e está entre a vida e a morte. 

Um crime contra as mulheres que está a indignar a opinião pública. É de recordar que nos últimos dias, centenas de indianos têm protestado em diversos pontos do país contra as constantes violações e assassinatos de mulheres na Índia. 

Os manifestantes exigem aceleração dos processos judiciais em violações e homicídios e penas mais pesadas para estes agressores.

Por Notícias ao Minuto 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.