Cachalote morre com 100 quilos de lixo plástico no estômago na Escócia

2/12/2019 13:05 - Modificado em 2/12/2019 13:05

A baleia deu à costa na Ilha de Harris, na Escócia.

Um cachalote que morreu depois de dar à costa na Ilha de Harris, na Escócia, tinha 100 quilos de lixo plástico no estômago. Redes de pesca, cordas, fita-cola e copos de plástico estavam entre os objetos descobertos na “bola de lixo”.

Os especialistas disseram, citados pela BBC, que não resulta claro imediatamente se o entulho contribuiu para a morte da baleia.

Mas os habitantes locais que encontraram a carcaça na praia de Seilebost, na quinta-feira, sublinharam que era representativo do problema de poluição marinha.

Membros da Scottish Marine Animal Stranding Scheme (SMASS), uma organização que investiga as mortes de baleias e golfinhos dissecou a baleia para tentar determinar a causa da sua morte. Numa publicação no Facebook disseram que “o animal não estava particularmente em condições terríveis e que, apesar de ser certamente plausível que a quantidade de entulho foi um factor contributivo para dar à costa”, não foram encontradas provas de que terá “impactado ou obstruído os intestinos”.

“Esta quantidade de plástico no estômago é de qualquer forma horrível, deve ter comprometido a digestão e serve para demonstrar novamente os perigos que o lixo marinho e o equipamento de pesca deitado fora podem causar à vida marítima”, acrescentaram.

A Guarda Costeira e funcionários governamentais ajudaram a examinar o cachalote no sábado, bem como a cavar um enorme buraco na praia para enterrar o animal.

Por Notícias ao Minuto

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.