Correios alargam horário para responder a novas demandas

1/12/2019 23:46 - Modificado em 1/12/2019 23:46
| Comentários fechados em Correios alargam horário para responder a novas demandas

O tráfego postal vem crescendo de forma exponencial desde 2016, com um crescimento na ordem de 52,7% em 2018, comparativamente ao ano anterior, justificado em grande parte pelo aumento do correio internacional recebido, na ordem dos 114%.

Sendo assim, a partir do dia 2 de Dezembro, esta segunda-feira, as agências dos Correios de Cabo Verde passarão a funcionar em novo horário.

Por isso, tendo em conta este aumento de correio internacional que é recebido, devido sobretudo ao fenómeno e-commerce, que representa uma proporção vantajosa em termos de tráfego, comparado aos demais serviços postais, os Correios de Cabo Verde optaram por alargar o horário de funcionamento nas suas agências e centrais.

“Sendo os Correios de Cabo Verde membro da UPU – União Postal Universal, a sua participação nesta cadeia global naturalmente obrigam a cumprir um conjunto de indicadores de qualidade e de performance, que exige-se uma adaptação ao contexto atual em que opera”, refere em comunicado, os Correios de Cabo Verde.

Com o ambiente de regulação cada vez mais complexo e exigente, cidadãos mais exigentes e novas concorrências formais e informais, um dos ajustes, segundo a direcção, refere no mesmo documento, considera necessário e, em linha com as reformas a serem empreendidas na empresa, prende-se com a alteração do horário de atendimento das agências, que tem como principais objectivos, entre outros, a melhoria dos Indicadores de performance em termos de padrão de entrega, bem como o reforço da capacidade de entrega, cumprindo igualmente outras exigências das reguladoras nacionais.

“Melhorar a Satisfação do Cliente junto da Empresa; Aumentar a produtividade e visibilidade da empresa; Implementar uma das recomendações da UPU, visando a melhoria operacional dos CCV; Aproveitar a capilaridade da rede comercial da empresa, enquanto Empresa Comercial e Prestadora de Serviços (diversificados), é sua obrigação, disponibilizar horários alternativos e flexíveis aos seus parceiros”, são outros objectivos especificados.

Os novos horários são divididos em três categorias, adaptados às dinâmicas sociais e económicas de cada cidade e localidade.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.