Cruzeiros do Norte leva à Rua de Lisboa o tema “Tudo a Dois” com olhos postos na revalidação do título

30/11/2019 22:05 - Modificado em 30/11/2019 22:05
| Comentários fechados em Cruzeiros do Norte leva à Rua de Lisboa o tema “Tudo a Dois” com olhos postos na revalidação do título

O grupo Carnavalesco Cruzeiros do Norte, vencedor do Carnaval 2019, leva este ano ao “sambódromo” da Rua de Lisboa o enredo “Tudo a Dois”, um tema que segundo o presidente Jailson Juff gira à volta da dualidade das coisas que rodeiam o mundo, desde a antiguidade até aos dias de hoje. O enredo é da autoria do Atelier Dibody.

O Miradouro de Cruz João Évora, tendo como destaque de fundo a Baía do Mindelo recebeu, na noite de sexta-feira, 29, pelo segundo ano consecutivo a apresentação do enredo, reinados, mestre sala, porta bandeira e rainha de bateria, do grupo campeão do Carnaval 2019.

Numa noite em que o grupo proporcionou muitas surpresas aos presentes e ainda fez uma singela homenagem a todos os grupos que participam anualmente no carnaval em São Vicente, Jailson Juff, que já leva 11 anos à frente desta agremiação, afirmou ao NN que foram muitos meses de trabalho no enredo, isto com foco na revalidação do título que é o principal objetivo.

“Sempre fazemos do nosso enredo uma novidade. É um enredo que nunca foi apresentado no carnaval em São Vicente. Este enredo «Tudo a Dois» fala sobretudo desde o início do mundo, como Adão e Eva, o branco e o preto, o pobre e o rico, a noite e o dia, ou seja, tudo o que está relacionado a dois” frisa Jailson Juf.

Juff acrescenta que este ano procederam na mudança de carnavalescos, entre os quais no reinado que este ano é composto por duas novas rainhas e um novo rei, que segundo o mesmo vêm com a ambição em dar tudo de si para elevar mais uma vez o nome dos Cruzeiros do Norte no carnaval mindelense. “Temos outras novidades para, a seu tempo, serem apresentados ao povo mindelense ” enaltece.

Em relação ao número de figurantes, este assegura que a ideia é repetir os moldes de 2019 e levar às ruas do Mindelo cerca de mil figurantes e apresentar 3 ou 4 carros alegóricos, a que se juntam ainda a comissão da frente.

“Vamos continuar com o nosso trabalho pois há muito que iniciamos os nossos preparativos. Agora é retirar do papel e pôr na prática para que possamos, no próximo ano, dar uma boa resposta no asfalto da Rua de Lisboa” referiu o líder desta agremiação fundada em 1984 onde, desde que assumiu a função, já conseguiu ser tricampeão (2011 e 2013), juntando a estes o título de campeão 2019.

Os reinados são os destaques do grupo, que este ano, aparece totalmente renovado. Este vai contar com as rainhas Edna Santos (Estados Unidos da América), Fátima Fortes (Cidade da Praia) e ainda o rei Paulo Sérgio, residente na Holanda.

Andrea Gomes vencedora do prémio de Rainha de Bateria do Carnaval 2019 merece, pelo terceiro consecutivo, a confiança da direção do grupo, prometendo fazer ainda melhor para defender a conquista do ano passado.

Já o Mestre-sala fica novamente a cargo de Valdir Gomes que também promete defender o título conquistado em 2019, com “unhas e dentes” relembrando que no desfile do Carnaval 2020 a pressão será ainda maior.

Por fim, a figura de Porta-Bandeira, estará sob a responsabilidade de Hirondina Évora, que assegurou ser uma “honra e orgulho” representar novamente o grupo Cruzeiros do Norte, frisando que a comunidade poderá esperar tudo de si no “Sambódromo” em 2020.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.