Incidências disciplinares da Supertaça de Cabo Verde transitam para competições regionais e nacionais

28/11/2019 01:07 - Modificado em 28/11/2019 01:07
| Comentários fechados em Incidências disciplinares da Supertaça de Cabo Verde transitam para competições regionais e nacionais

A Federação Cabo-verdiana de Futebol (FCF), deu a conhecer nesta quarta-feira, o regulamento da Supertaça de Cabo Verde edição 2019/20, que irá colocar frente a frente, no sábado, 30, de novembro, na cidade do Porto Novo, em Santo Antão, as formações do CS Mindelense e do Santo Crucifixo, sendo que um dos pontos de destaque se remete ao capítulo disciplinar, que dá conta de que as incidências disciplinares do jogo transitarão para as competições regionais e nacionais.

O primeiro troféu da época em disputa organizada pela FCF, acontece já este sábado, 30, de novembro, no Estádio Municipal na cidade do Porto Novo, em Santo Antão, e irá opor a partir das 15:30 o CS Mindelense campeão nacional e o Santo Crucifixo de Santo Antão Norte vencedor da Taça de Cabo Verde.

Neste sentido, a FCF elaborou o regulamento desta partida, que terá na sua alçada a organização técnica da Associação Regional de Futebol de Santo Antão Sul, onde destaca todas as competências dos intervenientes nesta primeira competição organizada pela FCF nesta época desportiva.

Como tal, sobressai-se a nova regra imposta pela entidade máxima que gere o futebol no país, de que as incidências disciplinares do jogo, serão tidas em conta nos próximos jogos oficiais dos dois clubes a nível regional e nacional. Ou seja, no caso concreto um jogador que for expulso nesta partida, cumprirá a suspensão no próximo jogo oficial da sua equipa.

Ainda conforme a FCF a Supertaça de Cabo Verde, que como se sabe será disputado a apenas uma mão, em campo neutro, terá a duração de 90 minutos regulamentares, mais 30 minutos de prolongamento caso houver empate no tempo regulamentar. Caso o empate persistir haverá a marcação de grandes penalidades para se conhecer o sucessor da Académica da Praia como vencedor da Supertaça de Cabo Verde.

Em termos de prémios será atribuída ao vencedor o troféu alusivo à conquista do título, ainda medalhas e uma quantia de 100 mil escudos. Já o finalista vencido receberá medalhas e ainda um cheque de 50 mil escudos.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2022: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.