Museu dos Náufragos inaugurado na ilha da Boa Vista

19/11/2019 01:07 - Modificado em 19/11/2019 01:07

O Museu dos Náufragos (MDN), a primeira estrutura privada de interesse antropológico e artístico na ilha, foi inaugurado domingo na Boa Vista, na cidade de Sal-Rei. O projecto, fundado e desenvolvido pela Associação dos Náufragos, que envolve pessoas de Cabo Verde e da Itália.

De acordo com a Associação dos Náufragos, este museu foi construído em calcário branco e rocha vulcânica, sendo os interiores, decorados com mosaicos, vitrais, pinturas e esculturas, com base em materiais antigos encontrados na Ilha das Dunas, ainda de materiais reciclados, de doações, de antiguidades fornecidas pelas pessoas da ilha e da colecção privada da própria Associação.

Conforme a mesma fonte esta exposição apresenta a cultura antropológica de Cabo Verde, a sua arte e história através de diferentes abordagens de diversas peças, trazendo a relevância e singularidade da cultura crioula à atenção dos visitantes.

No entanto, estes avançam ainda que serão feitos no Museu, exposições temporárias de artistas locais e internacionais, nas salas superiores da estrutura, simbolizando a arte como língua universal.

Para Genébra Rossi, um dos membros da direcção do MDN, “o balanço da inauguração foi incrível, com mais de 300 pessoas. A Associação recebeu muita positividade e carinho por todos que ali estavam presentes, todos gostaram do nosso trabalho, este projecto esteve em produção durante 3 anos, mas foi muito satisfatório no final, porque a população ficou muito impressionada com o nosso trabalho”.

Esta ainda demonstrou a importância da história e da conservação dessas antiguidades e do impacto e da positividade que podem causar, principalmente para os turistas que visitam a ilha.

A inauguração aconteceu ontem e foi presidida pelo presidente da Câmara Municipal da Boa Vista.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.