Ryan Mendes: “Em casa temos que ganhar e estou convicto de que o vamos conseguir”

18/11/2019 00:46 - Modificado em 18/11/2019 00:46
| Comentários fechados em Ryan Mendes: “Em casa temos que ganhar e estou convicto de que o vamos conseguir”

O avançado e capitão da selecção cabo-verdiana Ryan Mendes, num exclusivo ao NN, abordou entre outros temas o jogo frente aos Camarões (0-0). Em relação ao jogo desta segunda-feira, 18, às 15.00 horas, para a segunda jornada, frente a Moçambique, adversário directo na luta pelo apuramento para o CAN 2021, promete uma equipa equilibrada e com vontade de vencer para assumir a liderança do grupo F.

Notícia do Norte- No primeiro jogo fora de portas com os Camarões teve o privilégio de ter a braçadeira de capitão. Como sentiu por ter esta missão em campo?

Ryan Mendes– É sempre gratificante e um orgulho para qualquer jogador ter a braçadeira de capitão do seu país. Como já tinha dito, todos nós somos capitães da nossa selecção, porque todos estão aqui para ajudar, mas da minha parte foi um enorme orgulho.

NN- No primeiro jogo de uma fase de qualificação é sempre importante não perder e a nossa seleção começou a fase de apuramento com um empate fora com os Camarões. Concorda com o resultado ou pensa que poderiam ter feito melhor?

RM- Acho que foi um bom resultado, tendo em conta o adversário e porque jogamos fora de casa. É claro que sempre podemos fazer melhor mas foi um bom resultado. Agora é vencer Moçambique aqui em casa e mantermo-nos nos primeiros lugares do grupo.

NN- Moçambique venceu Ruanda por 2-0, e por isso está na frente do grupo. Sente que os embates, em particular com os “Mambas”, serão decisivos para o apuramento visto que os Camarões já estão automaticamente apurados?

RM- Claramente! Acho que Moçambique é o nosso adversário directo, por isso  este jogo aqui em casa é extremamente importante e  peço o apoio de todos os cabo-verdianos residentes aqui na cidade da Praia, para podermos conseguir uma vitória e ficarmos bem encaminhados para o apuramento.

NN- Como será encarada pelos “Tubarões Azuis” esta partida com um adversário direto?

RM- Temos que estar determinados e saber tudo o que cada um terá que fazer para podermos vencer este jogo. É um jogo extremamente importante tendo em conta que já têm três pontos e nós temos um. São o nosso adversário directo e não poderemos deixá-los fugir. Por isso, em casa, teremos que ganhar e estou convicto de que o vamos conseguir.

NN- Acha que estão reunidas todas as condições para que tenhamos uma grande partida de futebol na segunda-feira, num estádio que tem sido a nossa fortaleza nos últimos tempos?

RM- Reunidas todas as condições não sei se estão, mas espero que da nossa parte seja um bom jogo. Espero que as pessoas compareçam e que nós consigamos fazer um bom jogo na medida do possível, apesar do relvado do estádio não ajudar. Neste sintético, só colocando os pés nele é que as pessoas saberão as dificuldades de jogar nele. Dentro das nossas possibilidades esperamos fazer um bom jogo e arrecadar os três pontos.

NN- Que Cabo Verde poderemos esperar neste jogo, que se afigura importantíssimo para o desfecho deste grupo de apuramento?

RM- Um Cabo Verde ambicioso com vontade de ganhar e equilibrado, porque não se pode estar somente a pensar em atacar. Mas teremos um Cabo Verde ambicioso em vencer.

NN-Que Moçambique estão á espera para esta partida?

RM- Esperamos uma equipa confiante porque vem de uma vitória no primeiro jogo. Defrontei-os apenas uma vez, num jogo amigável, e vi que tem bons jogadores. Muitos deles jogam em Portugal e França. São uma selecção forte mas na nossa casa teremos que mostrar personalidade e ser mais fortes. 

NN- Por fim, qual a sua analise na inclusão num grupo de uma seleção já apurada, numa fase de apuramento, neste caso dos Camarões?

RM- Sinceramente vamos ter que fazer a nossa parte, porque se não fizermos a nossa parte estamos com vida complicada. Temos que analisar bem a nossa equipa, o que podemos e não fazer neste jogo e dar tudo de nós dentro do campo.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.