Polícia Nacional: Detidas 46 pessoas no âmbito da mega operação desencadeada a nível nacional

12/11/2019 14:13 - Modificado em 12/11/2019 14:14

A Polícia Nacional realizou no passado dia 08 deste mês, uma mega operação a nível nacional, que envolveu todos os comandos da PN, com o objetivo de transmitir uma “maior tranquilidade” e segurança pública aos cidadãos e seus bens.

Conforme a PN, através de uma nota, a mega operação decorreu das 16h00 às 19h00 de 08 de Novembro, com a utilização dos meio humanos e materiais de que dispõem, dando maior ênfase ao sector do Trânsito Rodoviário. Sendo que desta operação resultou na detenção de 46 indivíduos.

Contudo, a PN revela que também foram realizadas algumas operações pelo Departamento de Estrangeiros e Fronteiras, Guarda Fiscal e Polícia Marítima.

A PN ressalva que a mega operação direcionada à fiscalização do Trânsito Rodoviário, teve como objetivo principal, controlar toda a documentação dos veículos/condutores, controle de coimas em atrasado e álcool ao volante, assim como abordagens pedagógicas aos utilizadores dos veículos clandestinos. Ainda, registou-se atuações em outras áreas de abrangência da Polícia Nacional, culminando com resultados satisfatórios, através do envolvimento de 491 efetivos da PN, entre Oficiais, Subchefes e Agentes.

Na operação de ordem pública, que reservou a abordagem a 56 pessoas, a PN procedeu a uma detenção por desobediência, 7 por uso e posse de arma branca, 1 por condução sob efeito de álcool, 5 por condução ilegal, 28 cidadãos nacionais para identificação, 2 detidos nacionais para serem apresentados ao Poder Judicial e duas outras detenções.

Já em termos de objetos e produtos ilegais, a PN apreendeu 11 armas brancas, 6 estupefacientes (Padjinha) 12 estupefacientes (Haxixe), 350 litros de bebidas alcoólicas (espirituosas) e ainda outras sete apreensões.

No tocante ao trânsito, foram fiscalizados 1 533 veículos particulares, sendo que desses 36 foram apreendidos. Foram ainda fiscalizados 194 veículos de aluguer, onde um acabou por ser apreendido. Foram ainda fiscalizados 38 veículos propriedade do estado, sendo também um deles apreendido. Ao todo foram aplicados 88 coimas, o que se traduziram no montante de 947 500,00 e ainda 84 documentos apreendidos.

Em relação aos estrangeiros a PN, diz que foram abordados e fiscalizados 135. Desses, 17 estão em situação irregular. Oito destes 135 foram conduzidos a esquadra. A 6 dos detidos foi-lhes aplicado coimas no total de 30 mil escudos.

No que diz respeito à guarda-fiscal, 162 estabelecimentos comerciais foram fiscalizados e 2 deles foram encerrados.

  1. Anildo Marabela

    Deviam deter o Dr. Ulisses também que é um primeiroministro sem vergonha que andam a lesar nós os empresários de alugueres de viaturas, pagamos os nossos impostos sem faltar enquanto que ele para favorecer os amigos e compatriotas do seu partido anda em viaturas de aluguer clandestino, sv-63-cx e outros que pertence a privados e ja alertamos ele mas continua isso também é crime senhor primeminister toma juizo e vergonha na cara

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.