Mulher que fingiu ser médica detida por várias mortes na Alemanha

4/11/2019 21:53 - Modificado em 4/11/2019 21:53
| Comentários fechados em Mulher que fingiu ser médica detida por várias mortes na Alemanha

A mulher está a ser investigada por suspeita de homicídio, agressão, falsificação de documentos, fraude e abuso de posição.

Uma mulher que se suspeita ter fingido ser médica e de ter sido responsável pela morte de quatro pessoas na Alemanha, poderá ser responsável por mais. A mulher, também acusada de ter provocado ferimentos médicos a outros oito pacientes numa clínica em Hesse, foi detida na quinta-feira.

Segundo a acusação a mulher cometeu vários erros e deu medicamentos errados a pacientes. A ‘médica’ de 48 anos está acusada de não ter treino médico e de ter falsificado documentos quando se candidatou ao cargo como anestesista assistente.

Os procuradores, segundo os media alemães, estão a investigá-la por suspeita de homicídio, agressão, falsificação de documentos, fraude e abuso de posição.

As autoridades estão a tentar apurar se a mulher, sob investigação desde fevereiro deste ano, poderá ter sido responsável por mais mortes ou ferimentos.

Apesar de ainda não ter sido identificada, sabe-se que continua sob custódia policial desde que as autoridades fizeram buscas em sua casa e no hospital onde trabalhava.

Por Notícias ao Minuto

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.