Santo Antão: Eliseu Fortes vence a terceira etapa do Cabo Verde Triangle Trail

31/10/2019 15:19 - Modificado em 31/10/2019 15:19
Foto: RTC

O vencedor da primeira etapa dos 33 quilómetros, que decorreu a 25 de outubro, em Hortelã, São Miguel, Eliseu Fortes, voltou a vencer a terceira e última etapa, em Santo Antão, com o tempo de 3 horas e 20 minutos.

Com mais esta vitória Eliseu Fortes foi o mais forte nesta primeira edição da prova, sendo que participou somente nestas duas etapas, tendo falhado a do Fogo. Flávio Andrade, também de Santo Antão que também tinha ficado em segundo lugar em Santiago, voltou repetir o feito em casa. Keny Miranda, vencedor da segunda etapa, na ilha do Fogo, ficou em terceiro lugar.

Em femininos, a portuguesa Inês Monteiro cortou a meta em primeiro lugar, seguida de Carla André, também de Portugal.

No cômputo geral, o grande vencedor, em masculinos, desta primeira edição do Cabo Verde Triangle Trail, CVTT, foi Gil Fortes. Este, nunca esteve no pódio em nenhuma das três etapas, mas por ter participado e concluído as três etapas e amealhado o maior número de pontos permiti-lhe sagrar-se vencedor do CVTT em masculinos.

Alguns atletas contestaram tal decisão, mas a organização desvalorizou as críticas, sublinhando que o regulamento da prova é claro.

“Desde a primeira hora foi publicado no site do circuito. O circuito chama-se Triangle, envolve 3 etapas, obviamente que um atleta que não fez todas nunca poderá ser o vencedor, quando houve quem participou, e terminou, as 3 etapas”, aclarou Rui Marques, numa declaração à RCV.

Eliseu Fortes, vencedor da primeira e última etapa, não participou na segunda, na ilha do Fogo. Keny Miranda, vencedor da segunda etapa, não participou na primeira e Flávio Andrade não participou na etapa da ilha do Fogo.

Em femininos a portuguesa Carla André foi a grande vencedora.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.