Ruben Semedo no auge com a estreia na convocatória de Portugal

4/10/2019 00:18 - Modificado em 4/10/2019 00:18
Foto: A Bola

Depois de um período mais conturbado na carreira, o defesa central luso-cabo-verdiano, Ruben Semedo está de volta à ribalta, sendo um dos nomes chamados por Fernando Santos, selecionador de Portugal, para os próximos jogos de qualificação para o Euro 2020.

A vida de Ruben Semedo, dentro e fora dos relvados, em Fevereiro de 2018, esteve envolvida em polémicas, onde o jogador inclusive esteve preso em Espanha por 142 dias, acusado de ter cometido vários crimes.

Após sair da prisão, em regime de liberdade condicional, o defesa central, foi reintegrado no plantel do Villarreal, clube com quem tinha contrato, mas acabou emprestado no Huesca, equipa recém-promovida à primeira liga espanhola.

Início de época 2018/19 a bom nível, o jogador que queria relançar a carreira cedo destacou-se como titular, mas novos problemas levaram o clube a cessar o empréstimo junto do Villareal. Depois seguiu-se uma passagem pelo Rio Ave, onde o jogador fez uma boa segunda volta.

O Olimpiakos da Grécia contratou-o no início desta época e Abel Ferreira, ex-técnico do Sporting Clube de Braga, agora no Olimpiakos, cedo mostrou vontade em receber o jogador. Com a confiança do treinador, Ruben Semedo, ingressou no clube grego e já leva 11 jogos disputados.

Em declarações à imprensa portuguesa, após apresentar a lista de convocados para os duelos do Grupo B (Luxemburgo e Ucrânia) de apuramento para o Euro 2020, o selecionador Fernando Santos revelou que Ruben Semedo soube reagir. Fernando Santos encara a sua chamada com naturalidade, ainda que a sua história tenha pouco de comum: Depois de ter estado emprestado ao Rio Ave, está este ano a bom nível no Olympiakos, e esta semana até se estreou a marcar na Liga dos Campeões. Em Fevereiro do ano passado estava detido em Espanha, tendo ficado cerca de cinco meses preso.

“Não há impossíveis seguramente, não é por um percalço que acontece que as pessoas não têm direito a seguir o seu caminho. O que demonstrou é que soube reagir, está a fazer uma prova boa no Olympiakos, temos acompanhado. Da última convocatória esteve perto mas por lesão acabou por não ser chamado. Foi-o agora pelo que pode trazer à equipa e socialmente é muito importante” revelou Fernando Santos, citado pelo jornal ABola.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.