Paulo Rocha: “Entrada de novos efetivos na PN é uma aposta numa Polícia mais bem formada e mais próxima dos cidadãos”

26/09/2019 23:35 - Modificado em 27/09/2019 00:58
| Comentários fechados em Paulo Rocha: “Entrada de novos efetivos na PN é uma aposta numa Polícia mais bem formada e mais próxima dos cidadãos”

A Polícia Nacional (PN) tem à sua disposição mais 120 novos agentes de 2ª classe, fruto do 10º curso de formação que decorreu na cidade da Praia. O Ministro da Administração Interna, Paulo Rocha, vê como uma “aposta numa polícia mais bem formada e mais próxima dos cidadãos”.

Durante a sua intervenção na cerimónia de empossamento dos novos agentes, o ministro sustentou que estes efetivos vêm dar corpo à extensão do projeto Cidade Segura a outras cidades, instalação da direcção de investigação criminal, ao reforço da capacidade de fiscalização e de inspeção de cargas nos portos nacionais, como a instalação de scanners nas pequenas encomendas em todos os portos.

Para Paulo Rocha, a entrada destes novos agentes vem reforçar a cooperação técnico-policial com parceiros internacionais nomeadamente com Portugal, com quem este ano foi assinado um acordo que tem permitido realizar “importantes projetos”.

“Mas também a outros parceiros, nomeadamente com a polícia de Boston, dos Estados Unidos, com quem vamos assinar na próxima semana um importante protocolo de cooperação no domínio da segurança pública” sustentou o ministro.

De realçar que a entrada dos novos efetivos, que vão ser colocados em todos os concelhos do país, segundo o Ministro, irá permitir colmatar a saída de muitos agentes que se reformam anualmente. Só este ano são cerca de 50 os agentes que vão para a aposentação.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.