Orlando Delgado : “Situação do ano agrícola começa a ficar preocupante porque ainda não choveu o suficiente”

25/09/2019 00:23 - Modificado em 25/09/2019 00:23

O presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande, de Santo Antão, Orlando Delgado, afirmou que se fez uma “ideia errada”, de que Santo Antão tenha chovido, ressalvando que a pluviometria “foi nula”, e por isso algumas localidades já têm o seu cultivo de milho “praticamente perdidas”.

Depois de algumas notícias veiculadas pela imprensa nacional, dando conta de que Santo Antão tinha chovido, o edil da Ribeira Grande, veio desmentir tais afirmações à Rádio Pública e esclareceu que não é verdade e que já existe uma situação de “stresse” caso não venha a chover nos próximos dias.

Orlando Delgado, afirmou que já não é somente a questão relacionada com a agricultura que já está a afetar a todos, mas também a falta de água para o abastecimento público e também para a rega em algumas localidades já começa a escassear.

“Nós temos localidades onde a Câmara Municipal, já tem dificuldade em disponibilizar água para as próprias famílias e por isso tem havido uma racionalização de água, de três em três dias, ou quatro em quatro dias. Uma situação de que facto implica que as instituições possam se sentar a mesa e discutir com alguma urgência, porque de facto ainda não choveu a nível de Santo Antão, e a situação começa a ficar muito preocupante nalgumas localidades” ressalvou o edil ribeira-grandense, apontando os casos do Vale da Garça, Figueiras, Ribeira Alta, Ribeirão, João Afonso e outras zonas, onde a pluviometria foi nula

Para a mesma fonte é preciso que se comece a pensar num plano de urgência que seguisse o mesmo figurino do plano de mitigação da seca dos últimos dois anos, levado a cabo pelo Governo.

“Felizmente, o Governo, nestes dois últimos anos, pôs de pé um programa de apoio de três grandes pilares, quer em termos de mobilização de água, geração de emprego, e também de apoio a criação de gado e isso permitiu de facto mitigar as dificuldades que nós tivemos ao longo destes dois anos e estou convencido que este ano o Governo irá fazer o mesmo” constatou Orlando Delgado, reforçando que em algumas localidades as plantações de milho já estão praticamente perdidas.

  1. José Lopes

    GENTES DE SANTO ANTÃO PRECISAM ACORDAR,. SINCERAMENTE ESTE presidente JÁ DEU CARAMBA. VOCES PRECISAM DE UM PRESIDENTE COM VISAO E CAPACIDADE DE TRABALHO NAO ESTE SR. QUE JA LÁ ESTA UM ETERNIDADE SO INDO A FUNERAIS!!!!

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.