Clubes preparam a nova época: Vêm aí surpresas e muitas mudanças

3/09/2019 23:44 - Modificado em 3/09/2019 23:44

Os clubes federados da ilha de São Vicente já iniciaram os trabalhos dentro de gabinete tendo em vista a época desportiva que se avizinha, com o início dos trabalhos agendados para meados deste mês.

Os clubes correm a todo o fulgor para a versão 2019/20 do Campeonato regional de futebol de São Vicente, que tem o Mindelense como campeão regional e crónico candidato ao título na ilha.

O tetra-campeão regional vai arrancar a nova época privado do seu goleador-mor, Papalele, que rumou ao Desportivo de Fafe (Portugal). Como tal os Leões da Rua de Praia terão de procurar alternativas para preencher essa lacuna na frente de ataque do seu plantel. Não vai ser tarefa fácil colmatar a ausência de um jogador que desde 2016 tem sido titular indiscutível na equipa comandada por Rui Alberto Leite e que deu muitas alegrias aos adeptos e simpatizantes do clube.

O Mindelense perde assim uma pedra fulcral na sua frente ofensiva. Mas a equipa ao que sabe o NN, está a ser montada, novamente, para conquistar todos os títulos regionais e a prova máxima de clubes em Cabo Verde.

Para muitos, a grande curiosidade centra-se nas formações que vão fazer frente ao “Tubarão” da Rua de Praia, que normalmente são “os fregueses do costume”:  Académica do Mindelo, Batuque FC, Derby e o Farense de Fonte Felipe, que convém não esquecer obteve um segundo lugar histórico no último regional.

Estes clubes ao que apurou este Online, já iniciaram também os trabalhos de laboratório, para a nova época desportiva, sendo que nesta fase ainda trabalham na composição dos plantéis para atacarem em força o campeonato regional que se avizinha. Os trabalhos de campo só vão arrancar em meados deste mês, onde já se poderá ver as muitas mudanças e surpresas que as equipas têm preparadas para os seus aficionados.

As especulações são muitas acerca da “dança de jogadores” entre as várias equipas da ilha, mas neste momento ainda não existem dados concretos acerca disso. Mas, a exemplo de épocas passadas, as entradas e saídas devem ser muitas.

Quem está de regresso ao convívio dos grandes é o Falcões do Norte, que após dois anos na “segundona”, numa descida épica no historial do clube, promete voltar com tudo, para se manter no convívio dos grandes do campeonato regional.

De salientar ainda os “pescadores” de Salamansa e o Castilho que compõem o leque das oito equipas que vão evoluir esta época no relvado do estádio Municipal Adérito Sena, que arranca em outubro próximo.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.