Combustíveis mais baratos a partir das zero horas

31/08/2019 21:24 - Modificado em 31/08/2019 21:25

Os combustíveis vão estar estão mais baratos durante o mês de setembro. As descidas dos preços são generalizadas, como o gasóleo normal a registar uma diminuição de 1,18%. A gasolina desce 4,83% e o gás butano sofre uma queda de preço de 9,90%, revelou a ARME.

Do mesmo modo, segundo a última atualização de preços máximos, feita pela Agência Reguladora Multissectorial da Economia (ARME), os preços do gasóleo para eletricidade e o gasóleo para a marinha baixam 1,50% e 1,49% respetivamente. O fuel e fuelóleo também estão mais baratos. O petróleo sofre um decréscimo de 2,79%.

Assim, conforme a nova também fixada pela ARME, a partir da meia-noite, a gasolina passa a ser vendida a 122,10 ECV/L, o gasóleo normal a 100,90 ECV/L, o gasóleo para eletricidade custa agora 85,60 ECV/L e o gasóleo para a marinha passa a custar em Setembro 72,50 ECV/L, o Fuelóleo 180 é agora vendido por a 61,30 ECV/e o fuelóleo 380 a 55,20 ECV/L.

Em setembro o preço do butano está mais barato. Passa a ser vendido a granel por 107,40 ECV/Kg. As garrafas de 3 Kg passam a custar 306, 00 ECV, as de 6Kg vendidas por 644,00 ECV, as de 12 Kg comercializadas por 1.342,00 ECV e as de 55 Kg agora por 5,905,00 ECV.

De acordo com o comunicado da ARME, os preços médios dos combustíveis nos mercados internacionais, cotados em USD/Ton, registaram descidas significativas durante o mês de agosto, relativamente ao mês de julho, o que provocou no mercado interno uma descida generalizada dos preços de todos os produtos petrolíferos regulados.

Estes novos preços máximos dos combustíveis vigoram até 30 de setembro.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.