A partir de novembro pensionistas vão poder receber a Pensão Social através de transferência bancária

21/08/2019 23:20 - Modificado em 21/08/2019 23:20

O Ministério da Família e Inclusão Social, através do Centro Nacional de Pensões, notificou nesta quarta-feira, que o pagamento da Pensão Social passa a ser feito, também, através de transferência bancária, a partir de novembro deste ano. Uma informação que caiu de bom grado no seio de muitos pensionistas que há muito clamavam por melhores condições nesta vertente.

O processo, segundo o Ministério, será simples, implicando apenas aos pensionistas que querem passar a receber a Pensão Social através dos bancos, devem entregar os dados bancários nos serviços sociais das câmaras municipais, no Centro de Pensões Sociais, na Cidade da Praia, ou no Gabinete de Atendimento no Centro “Nhô Djunga”, em São Vicente.

Esta tomada de decisão do Ministério vem dar aos pensionistas algum descanso na hora de receber a sua Pensão Social. É que até ao momento os pensionistas recebem as suas pensões nos balcões dos Correios de Cabo Verde nos diversos pontos do arquipélago.

Um problema que afeta principalmente os idosos, muitos deles já incapacitados fisicamente a terem de esperar muitas horas nas filas, nos serviços dos Correios, para poderem receber a sua pensão social.

Uma situação que há muito vinha despoletando o descontentamento de muitos cabo-verdianos, principalmente nas redes sociais, através da exibição de fotografias, onde se pode constatar as longas filas de idosos já com muitas horas à espera da sua vez.

Entretanto esta medida vem colocar pelo menos uma atenuante nesta situação a que estavam sujeitos os pensionistas, podendo agora recorrer à via bancária para receberem o montante da sua pensão social.

De frisar que, desde janeiro o Governo aumentou a pensão para 6.000 escudos, um reforço de 20% em relação aos cinco mil escudos, valor que era pago até dezembro de 2018.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.