Estados Unidos da América adotam novas medidas no acesso a vistos e atribuição de residência

14/08/2019 00:30 - Modificado em 14/08/2019 00:30
Foto: Jonathan Ernst/Reuters

O Governo dos Estados Unidos da América fez uma profunda mudança na legislação migratória que irá refletir-se na concessão de vistos e residência a centenas de milhares de pessoas.

A norma que entra em vigor a 15 de Outubro, prevê que sejam rejeitados vistos temporários e permanentes a pessoas que não possuam rendimentos considerados aceitáveis, bem como o estatuto de residência legal a quem tenha recebido assistência pública, coupons de alimentação, moradias públicas ou seguro de saúde.

O Instituto de Política de Migração avançou que, com as novas regras, mais de metade de todos os requerentes de residência permanente com base em laços familiares poderão ser negados.

Nos últimos anos, agentes de imigração definiram os requerentes de visto como um encargo público caso no futuro possam vir a depender da assistência do Governo.

Entretanto a National Immigration Law Center afirmou que vai recorrer ao tribunal para se certificar que essa medida não entre em vigor, considerando que a lei tem motivos raciais.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.