Cabo Verde na rota marítima para levar drogas para a Europa

13/08/2019 00:02 - Modificado em 13/08/2019 00:02
| Comentários fechados em Cabo Verde na rota marítima para levar drogas para a Europa

Uma nova rota marítima, usada por traficantes para levar drogas para a Europa, fez disparar o número de apreensões de cocaína em Cabo Verde, na África.

Há mais de uma semana, cinco brasileiros, todos do Estado do Pará, foram presos com mais de duas toneladas de cocaína dentro do barco de pesca em que viajavam.

De acordo com o G1, os cinco brasileiros, todos do Pará, foram presos com mais de duas toneladas de cocaína. A Polícia suspeita que os traficantes utilizaram uma nova rota: trocaram as águas fluviais pelas oceânicas, no topo da América do Sul.

A mesma fonte avança que a embarcação saiu de Belém (Pará) e teria navegado por mais de 3 mil quilómetros, até ser interceptada pela polícia, ao se aproximar de Cabo Verde, na África.

A droga foi apreendida em uma operação conjunta das polícias de Cabo Verde, Portugal e do Brasil. Mas quem eram os cinco tripulantes brasileiros que foram presos em flagrante e acusados de tráfico internacional de drogas. Segundo o programa de informação da Globo “Fantastico”, eles são: Domingos de Sousa (Belém do Pará), Benedito de Melo (Belém do Pará), Luis Pereira (Belém do Pará), Elivelton Ferreira (Bagre – Pará) e Daniel Júnior (Abaetetuba – Pará).

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.