“Ele vem matar-me também?”, perguntou menina que perdeu pais em El Paso

12/08/2019 16:40 - Modificado em 12/08/2019 16:40

Skylin, de cinco anos, é a filha mais velha do casal que morreu a proteger um bebé de dois meses, dentro do centro comercial de El Paso, no Texas, onde morreram 22 pessoas.

“Ele vem matar-me também?”. Esta foi a pergunta que Skylin Jamrowski [na imagem acima], de apenas cinco anos de idade, se lembrou de fazer depois de os familiares lhe terem dito que tanto a mãe como o padrasto – a quem chamava pai – perderam a vida no massacre de El Paso, no Texas.

A morte da mãe, Jordan Anchondo, no supermercado Walmart, foi a primeira a ser confirmada à família. E foi também dito a Skylin, que é a filha mais velha de três crianças. “O meu pai está morto?”, perguntou à avó, de acordo com a CNNA família não soube dizer se sim ou se não durante várias horas. Mas Andre Anchondo estava morto. Quando foi confirmado, a família não escondeu a verdade de Skylin, que reagiu com aquela cortante pergunta.

Skylin tem dois irmãos mais novos, Victoria e Paul, que é apenas um bebé de dois meses. Paul sobreviveu graças à bravura da sua mãe, que morreu enquanto o protegia, e do seu pai, que morreu a proteger os dois.

“O atirador disparou contra Jordan. E o Andre saltou para a frente de Jordan. O atirador matou o Andre, as balas atravessaram-no e atingiram Jordan”, afirmou Misti Jamrowski, mãe de Jordan, em entrevista à mesma estação televisiva.

“O mais triste é que, mesmo com todos nós… eram a mãe e o pai. Não podemos substituir a mãe e o pai. Não é algo que se possa substituir”, lamentou Paul Jamrowski, avô das crianças.

Sobre o atirador, a família não acalenta maus sentimentos. “Perdoamo-lo. Honestamente, perdoamo-lo. Rezamos por ele. Esperamos que encontre Deus porque Deus ensina a amar”, indicou Misti Jamrowski.

Recorde-se Patrick Crusius, de 21 anos, matou 22 pessoas e feriu mais de 20 no passado dia 3 de agosto depois de entrar armado dentro de um supermercado Walmart, em El Paso, no Texas. O jovem norte-americano foi detido e poderá incorrer em pena de morte.

Por Notícias ao Minuto

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.