Altamira: Presos envolvidos na rixa foram mortos quando eram transferidos

1/08/2019 01:21 - Modificado em 1/08/2019 01:21

Os quatros presos que foram mortos iniciaram uma luta no interior do autocarro que os transportava. Ministério Público brasileiro está a investigar o caso.

Quatro presos que estiveram envolvidos na rixa entre fações criminosas na prisão de Altamira, no Brasil, que resultou na morte de 58 pessoas, foram assassinados esta terça-feira quando estavam a ser transferidos para outros estabelecimentos prisionais, segundo o jornal O Globo.

No total, trinta presos estavam a ser transportados num autocarro do Centro de Recuperação Regional de Altamirapara outras prisões de Marabá. Os quatro presos terão iniciado uma luta que culminou nas suas mortes.

O Ministério Público brasileiro já abriu uma investigação para apurar o que aconteceu.

A Ordem dos Advogados do Brasil no Pará também já referiu que vai pedir esclarecimentos à Susipe (a Superintendência do Sistema Penal do Estado do Pará) sobre o que se passou no interior da unidade móvel de transporte de presos, que, por questões de segurança, transporta os reclusos algemados a grades de forma a evitar tentativas de fuga e acertos de contas.

Por Notícias ao Minuto

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.