Encalhe no Lazareto: Maré baixa impede que segundo navio seja resgatado

25/07/2019 00:02 - Modificado em 25/07/2019 00:03

Depois de ter resgate no início da tarde, uma das embarcações de pesca industrial encalhadas na praia do Lazareto, em São Vicente, as operações voltaram a ser suspensas devido as condições do mar. É que para conseguir resgatar o segundo navio, de nome “Lian Run 35”, é preciso que a maré esteja alta.

Portanto, resta agora aguardar que as autoridades, consigam na quinta-feira, a partir do meio-dia, retomar os trabalhos e concluir com êxito o resgate da segunda embarcação.

Com oito tripulantes de nacionalidade chinesa a bordo, este navio com pavilhão da Guiné Conacri fica assim, por mais uma noite, encalhado na praia de Lazareto à espera da maré alta.

Com as ondulações do início da tarde, a embarcação de pesca aproximou-se dos rochedos. No entanto, o IMP assegura que depois do sucesso do resgate do primeiro navio, espera-se que com a maré alta no inicio da tarde de quinta-feira o mesmo aconteça com o “Lian Run 35”.

A primeira embarcação, o Rui Aiteng 903, foi resgatado por volta das 13:00 de hoje, quando a maré cheia encontrava-se no auge, numa operação que contou com ajuda do rebocador Iron Bull.

Depois de efectuados os resgatados, serão abertos os inquéritos de averiguações para apurar os factos e adoptar medidas, que possam ser eficazes na prevenção destas situações.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.