Yuran Pereira: “Estamos focados no nosso trabalho para vencer o próximo jogo”

7/07/2019 23:54 - Modificado em 8/07/2019 00:46
| Comentários fechados em Yuran Pereira: “Estamos focados no nosso trabalho para vencer o próximo jogo”

A seleção de São Vicente entra em cena nesta terça-feira, 09, para a disputa do seu segundo jogo na Taça Independência 2019, no estádio municipal Di Deus, na Ribeira Brava, São Nicolau, com a sua congénere de Santiago, num jogo importantíssimo para as contas do grupo B.

Depois do empate sem golos ante ao combinado da Boa Vista, a seleção de São Vicente procura, frente à seleção de Santiago, a sua primeira vitória nesta edição da prova, enquanto que a seleção de Santiago procura a sua terceira vitória consecutiva, depois de vencer o Maio (1-3) e Diáspora (5-0).

Uma cartada importante, para as contas finais do grupo B, onde vão estar frente a frente as duas seleções mais tituladas da prova. Como tal dois crónicos candidatos à conquista da prova.

O defesa lateral da seleção sanvicentina, Yuran Pereira, em declarações ao NN, assegura que o resultado obtido frente ao combinado da Boa Vista não foi aquele que almejavam, mas que a equipa já está focada no próximo objetivo.

“Estamos cientes de que vamos encontrar muitas dificuldades. Não é por acaso que venceram os dois primeiros jogos”.  No entanto acrescenta “nós estamos focados no nosso trabalho para vencer o jogo”, expressando ainda a alegria e orgulho pela primeira chamada à seleção de São Vicente, um dos objetivos traçados no inicio da época ao serviço do Batuque FC.

O jogador afirma que acredita na passagem para a próxima fase, como também na revalidação do título, frisando que há muita qualidade na seleção e que a cada dia que passa o grupo está mais fortalecido e focado na conquista do título.

Depois de um empate sem golos com a Boa Vista, um eventual desaire com a seleção santiaguense poderá complicar e muito as contas do apuramento. Um cenário que não passa pela cabeça do jovem jogador que, no entanto, diz que isso poderia causar mossa, mas nunca irá abalar o estado anímico dos jogadores.

“Nunca iremos deitar a toalha ao chão. Somos os campeões em título e vamos trabalhar, a cada jogo, para o revalidar. Pensamos somente na vitória porque temos o nosso objetivo bem traçado. Não podemos permitir que o nosso próximo adversário se distancie na classificação” sustenta o jogador que tem merecido a confiança do técnico Piki no corredor direito da defesa da seleção da ilha de Monte Cara.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.