Passageira expulsa de avião devido ao decote da blusa

30/06/2019 23:08 - Modificado em 30/06/2019 23:08
| Comentários fechados em Passageira expulsa de avião devido ao decote da blusa

Incidente aconteceu num voo da companhia easyJet, em Espanha.

Harriet Osborne, de 31 anos, foi expulsa de um avião da companhia aérea lowcost easyJet, no passado dia 23 de junho, devido ao decote acentuado e à transparência da blusa que estava a usar para viajar.

Ao jornal The Sun, a mulher contou que se sentiu humilhada ao ser expulsa do aparelho, que estava prestes a sair de Málaga, em Espanha, rumo a Stansted, no Reino Unido.

De acordo com a britânica, que voltava a casa depois de uns dias de férias em Espanha com uma amiga, uma das tripulantes dirigiu-se a ela e disse que a blusa que usava ia contra as regras da companhia.

“A hospedeira confrontou-me na frente de todos os passageiros e disse que eu não podia viajar assim vestida. Ainda me tentou tapar com as mãos enquanto me obrigava a sair do avião”, garante, acrescentando que até chorou com vergonha.

Ao sair do avião, Harriet foi informada que só no dia seguinte é que havia voos com o mesmo destino. Além de ser obrigada a pagar 150 libras, cera de 167 euros, pela nova passagem, a britânica viu-se obrigada a pernoitar no chão do aeroporto.

Num comunicado citado pelo The Sun, a easyJet confirma que Harriett foi expulsa do voo, mas diz que foi “devido ao comportamento desrespeitoso da mesma com os tripulantes do avião quando estes pediram, educadamente, para a passageira vestir uma blusa por cima da que tinha vestida”.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.