Rolando pode rumar ao SC Braga

19/06/2019 13:14 - Modificado em 19/06/2019 13:14
| Comentários fechados em Rolando pode rumar ao SC Braga
Foto: Reuters

Depois do anúncio das contratações de André Horta (Los Angeles FC) e Vítor Tormena (Portimonense), e ainda da iminente oficialização do guarda-redes Eduardo, agora é a vez de Rolando estar próximo de se transformar na quarta contratação do Braga para a época de 2019/20.

Conforme escreve o jornal desportivo português O Jogo, o defesa-central, deixa Cabo Verde, nesta quarta-feira, onde gozou um período de férias na companhia da família, para viajar rumo a Portugal com o objetivo de se reunir amanhã com António Salvador, num encontro que servirá, ao que tudo indica, para fechar o acordo com o clube minhoto.

A mesma fonte adianta que Rolando, de 33 anos, tem em mãos uma proposta válida para as próximas duas temporadas com um vencimento líquido de 600 mil euros/ano, que está inclinado a aceitar desde o primeiro momento.

A poucos dias de terminar contrato com o Marselha, Rolando vê com bons olhos o regresso ao campeonato português, de onde saiu em 2012 para jogar no Nápoles – seguiram-se experiências no Inter de Milão, Anderlecht e, nas últimas quatro épocas em Marselha. Antes disso tinha representado o Belenenses e o FC Porto, onde chegou a internacional português (soma 21 jogos por Portugal).

“Apesar de estar em final de contrato e, por isso, com o passe na mão, a proposta do Braga não contempla nenhum prémio de assinatura, pelo que a SAD se limitará ao pagamento do salário, que será, em caso de confirmação, o mais alto da história do clube” escreve ainda o jornal O Jogo.

A possibilidade de voltar para perto da família – mulher e dois filhos -, que vivem no Porto, também tem um peso importante na vontade manifestada pelo defesa de voltar a jogar em Portugal, isto apesar de ter recebido propostas mais vantajosas do ponto de vista financeiro de outros clubes estrangeiros.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.