Cerimónia de entrega do prémio da 2ª edição do Concurso Nacional de Dramaturgia a Caplan Neves realiza-se nesta quarta-feira

4/06/2019 02:12 - Modificado em 4/06/2019 02:12
Foto: Facebook de Caplan Neves

O jovem santantonense Caplan Neves conquistou a 2ª edição do Concurso Nacional de Dramaturgia, com “O Cheiro dos Velhos”, numa edição que contou com 18 candidaturas de cinco ilhas: São Vicente, Brava, Santiago, Santo Antão e São Nicolau.

“O Cheiro dos Velhos” foi a escolha do júri, constituído por José Luís Peixoto (poeta e dramaturgo português), Mariana Faria (leitora do Camões I.P. e vogal da Cátedra Eugénio Tavares de Língua Portuguesa na Universidade de Cabo Verde) e Olavo da Luz (cineasta e agente cultural cabo-verdiano).

De acordo com a organização do evento, a cerimónia formal de entrega do prémio de 1º classificado da 2ª edição do Concurso Nacional de Dramaturgia a Caplan Neves, terá lugar no Centro Cultural Português (Polo do Mindelo), no dia 05 de junho.

Destaca-se que esta conquista evidência a criatividade deste jovem dramaturgo, que é também psicólogo e professor do ensino secundário, de cujo o currículo contabiliza outros textos encenados. Caplan Neves, de 34 anos, participa desde 2008 em projetos artísticos nas áreas do teatro e da música.

Em 2015 foi publicada uma coletânea de peças de Caplan Neves, que consiste na 3ª obra da “Coleção Dramaturgia Nacional”, editada pela Associação Artística e Cultural Mindelact.

 Bernardo Costa “Caplan” Neves é natural de Santo Antão e reside na cidade do Mindelo, onde, para além de escrever, é ator e compositor. Também leciona na Escola Salesiana em São Vicente.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.