Papalele: “Merecemos estar na final”

25/05/2019 23:26 - Modificado em 25/05/2019 23:26

O jovem prodígio do Mindelense, voltou a dar cartas neste sábado, 25, na vitória por 3-1 sobre o Onze Estelas da Boa Vista, resultado que carimbou o acesso da sua equipa à final. Para isso Papalele contribuiu com um golo e uma assistência.

No final da partida o jogador afirmou que “a passagem à final foi merecida, perante um adversário que, nos dois jogos, se bateu bem e criou-nos alguns problemas”.

O camisola 10 dos Leões da Rua de Praia, nesta eliminatória contribuiu com dois golos, que se revelaram importantes para o desfecho desta meia-final. Neste jogo serviu Duck para o primeiro golo e assinou o segundo tento da sua equipa. Ao NN o jogador assegurou que a equipa deu tudo em campo, para que pudessem sair com a vitória, perante os seus adeptos, num dia muito especial para o clube. Dia que completa 100 anos de existência.

“Fomos mais fortes e conseguimos marcar mais golos, o que ajudou a equipa a estar na final. Sinto-me feliz pelo golo, mas mais do que isso é especial fazer parte deste grande clube, da sua história e por fazer parte da equipa no ano em que comemora os seus 100 anos” sustenta o atleta.

Sobre a equipa adversária Papalele, não tem dúvidas de foi um adversário “difícil”, pois tem nas suas fileiras muitos jogadores de qualidade. “Conseguimos marcar-lhes cinco golos, dois fora e três em casa, mas eles também poderiam ter marcado mais golos. Fomos mais fortes e merecemos inteiramente estar na final” vinca Papalele.

Para a final e ainda sem saber qual será o adversário que sairá do jogo deste domingo entre a Oásis e a Ultramarina, o avançado afirma não ter preferências. Venha quem vier o Mindelense vai estar na ilha do Sal, no próximo dia 01 de Junho, focado somente em levantar o troféu, para dar ao clube uma comemoração especial. 

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.