Académica do Porto Novo vai recorrer da decisão da FCF

11/05/2019 00:29 - Modificado em 11/05/2019 00:29
| Comentários fechados em Académica do Porto Novo vai recorrer da decisão da FCF

A “Corveta” do Porto Novo, através do seu presidente Osvaldino Silva, fez saber que a equipa vai recorrer da decisão do Conselho de Justiça da Federação Cabo-verdiana de Futebol em penalizar a equipa com derrota no jogo frente ao Mindelense, relativo à primeira jornada do Campeonato Nacional, por supostamente ter utilizado dois jogadores de forma irregular.

Osvaldino Silva, fez esta afirmação à Rádio Pública, adiantando que o advogado da “Micá” entregará, ainda no decorrer desta sexta-feira, o recurso a que equipa tem direito. O presidente da Académica afirmou, ainda, que só utilizaram os dois jogadores nesta partida, após a própria Federação ter dado luz verde, para que (Maky e Valdo) pudessem alinhar frente aos encarnados de São Vicente.

De acordo com o presidente da formação negra do Porto Novo, o Mindelense fez o protesto já depois da homologação do jogo em questão e por isso o processo demonstra irregularidades.

Este poderá se tornar no caso mais mediático do CN desta época desportiva, isto numa altura em que a última jornada da fase de grupos disputa-se este fim-de-semana.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.