Praia: Agente da polícia suicida-se após ter morto um detido na esquadra da Achada de Santo António

17/04/2019 15:32 - Modificado em 17/04/2019 15:32

Foto: Inforpress

O polícia Nuno Sequeira suicidou-se na madrugada/manhã desta quarta-feira após a morte de Odair “Oda” Ribeiro que foi detido na noite de ontem. De acordo com as informações recolhidas por este Online, o jovem “Oda”, do bairro Eugénio Lima, de 23 anos, morreu dentro da esquadra, após resistir à prisão e entrado em luta corporal com agentes da polícia. Ao que tudo indica a arma de Nuno Sequeira disparou acidentalmente e atingiu mortalmente o jovem.

Na sequência do ocorrido o policial Sequeira abandonou as instalações policiais. O corpo do agente viria a ser encontrado, já sem vida, na manhã de hoje, perto do Liceu Pedro Gomes. Ao que tudo indica ter-se-á suicidado.

Entretanto os familiares da vítima já reagiram ao sucedido e em declarações a Agência Cabo-verdiana de Notícias, dizem que “Oda” foi agredido até à morte dentro da esquadra e pedem justiça. Segundo a sua prima Nádia Rocha, o seu parente foi detido durante uma rusga policial realizada num espaço conhecido por “Quintalona”, frequentado por “uns rapazes”, no bairro de Achadinha, Cidade da Praia. “Pegaram o Oda e começaram a agredi-lo ainda no local. Levaram-no para a esquadra e agrediram-no até a morte. Não disseram nada a ninguém. Quando a informação se espalhou, um dos policiais saiu da esquadra e matou-se”, adicionou.

Esta fonte disse ainda que os familiares de Odair Ribeiro só deram conta do que se passou quando no início da manhã de hoje lhe foram levar o pequeno-almoço.

“Pedimos justiça para todos os policiais que fizeram esta maldade”, afirmou a interlocutora, dando conta que “são vários os polícias” que vão àquele referido quintal, localizado nas proximidades de uma praça em Achadinha, “prender os rapazes injustamente, sem nada, para levar à esquadra e agredir”.A Polícia Nacional já fez saber que irá reagir a este caso ainda hoje, momentos depois de ser encontrado o corpo do agente policial que, como tudo indica, suicidou-se nas traseiras da escola de Ensino Secundário Pedro Gomes, na Achada Santo António.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.