IMP fixa novo horário para os navios Mar d’Canal, Inter-Ilhas e Kriola

19/03/2019 00:12 - Modificado em 19/03/2019 00:12

O Instituto Marítimo Portuário (IMP), anunciou nesta segunda-feira, 18, o novo horário dos três navios – Mar d’Canal, Inter-Ilhas e Kriola, que fazem diariamente a ligação entre São Vicente e Porto Novo, devendo o mesmo entrar em vigor assim que o navio Inter-Ilhas, que se encontra em reparações, retome as suas viagens.

Com o novo horário definido, o navio Mar d’Canal sairá diariamente do Porto Grande às 07:00 e às 14:00 e do Porto Novo às 09:00 e às 16:00. O Inter-Ilhas faz o mesmo trajecto com a saída de São Vicente às 08:00 e às 15:00 e do Porto Novo às 10:00 e às 17:00. Já o navio Kriola, com dormidas no Porto Novo, fará o percurso entre Santo Antão e São Vicente às 08:30 e às 12:00 e o inverso às 15:30 e 17:30. O IMP informa ainda que a alternância de horários entre os navios Mar d`Canal e Inter-Ilhas, vai decorrer a cada trinta dias.

De realçar que, esta medida foi tomada em 2016 pela Agência Marítima Portuária (AMP), visando pôr cobro na altura a um “contencioso” entre as companhias armadoras dos navios, a Naviera Armas e a Polaris, com origem numa disputa do mercado no transporte de passageiros e cargas na linha que é considerada a mais rentável do país.

  1. Odette Pinheiro

    Creio que a disputa foi mal resolvida porque durante anos quem tivemos a nos servir foi o Mal d’Canal e o seu horário devia ter sido mantido. Quem viesse a seguir que tivesse outro horário! Todos estávamos habituados a ter o Mar d’Canal a sair às 8 da manhã, e até se costumava dizer que é o único acontecimento que respeita a pontualidade em Cabo Verde! Com horários fixos todos sabem sempre com que contar em vez de ter de estar a pedir informações sobre quem sai a que horas.

    Infelizmente o nosso sentido de justiça anda muito por baixo. E também o bom-senso!

  2. ANSELMO FONSECA

    Como parte interessada na matéria, enquanto ex MCA da administração marítima e reguladora AMP, extinta e sucedida pelo ora IMP, como um simples cidadão e como um utente do serviço público de transportes marítimos inter-ilhas, natural de Santo Antão e residente em São Vicente, deixo aqui quatro notas de reflexão e/ou decisão por quem de direito. 1) O princípio de alternância de faixa horária entre os dois navios que fazem a carreira regular e diariamente na linha marítima Porto Grande – Porto Novo, estabelecido pela Agência Marítima e Portuária no ano de 2016, não só veio a pôr cobro à uma disputa de horários que existia entre os dois operadores dessa carreira, como, principalmente, veio garantir equidade e o equilíbrio económico-financeiro relativo, entre dois navios de tipologia similar, sem se especificar quais, mas chamando-os de “NAVIO A” e de “NAVIO B”. Tinha o intuito de salvaguardar, também, o princípio de liberdade de acesso ao mercado pelos operadores de então e por futuros outros interessados, que viessem a oferecer melhores condições de qualidade e preço, em condições de segurança e sã concorrência. 2) A unidade de tempo estipulada para a alternância ou rotação, foi escolhida não ao acaso, mas com base em muita ponderação interna e consultas aos mercados, seja da oferta (armadores), seja da procura (utentes). Em vez de ano, mês ou dia, optou-se pela semana, por uma razão muito simples: permitir uma aproximação com a fixação de horários de voos regulares, seja no doméstico, seja no internacional e garantir a intermodalidade que é o desiderato final do nosso sistema de transportes públicos neste nosso país arquipélago e a coesão territorial. Os horários de voos são estabelecidos para um ano ou época, atendendo sempre ao critério “semanas”. Por isso que se optou pela alternância a cada 6 (seis) semanas. 3) Analisando as carreiras a partir de um só ponto de partida ou de chegada, seja ele Porto Novo, seja Porto Grande, por imperiosas razões de segurança à navegabilidade e sobretudo, nas manobras de largada, de aproximação e de atracação, onde ocorre a maioria dos sinistros, optou-se pelo afastamento mínimo de 1 hora entre operação de dois navios diferentes. Finalmente, não entendemos da peça noticiosa, a parte onde se diz que, “Já o navio Kriola, com dormidas no Porto Novo, fará o percurso entre Santo Antão e São Vicente às 08:30 e às 12:00 e o inverso às 15:30 e 17:30”. O Navio sai de Porto Novo as 08:30 e sem regressar, volta a sair de Porto Novo às 12:00 horas? [sic]. Pode ser engano de tratamento. Sem intenção de censurar ninguém, dou a minha singela contribuição, para a melhoria do serviço ao utente dos transportes marítimos inter-ilhas, sem desprimorar do necessário equilíbrio económico-financeiro dos provedores desse serviço público. Abraços!

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.