Adolescente ecologista sueca nomeada para Prémio Nobel da Paz

13/03/2019 17:19 - Modificado em 13/03/2019 17:19

A adolescente ecologista sueca Greta Thunberg, que se tornou uma voz proeminente em campanhas contra as alterações climáticas, foi hoje nomeada para o Prémio Nobel da Paz por três deputados noruegueses.

Freddy Andre Oevstegaard e outros dois membros do Partido da Esquerda Socialista defenderam que “o gigantesco movimento que Greta pôs em ação é um contributo muito importante para a paz”.

Greta Thunberg, de 16 anos, tem encorajado os estudantes a faltarem à escola e a juntarem-se a protestos para exigir uma ação mais rápida contra as mudanças do clima, um movimento que se estendeu além da Suécia a outros países europeus.

Oevstegaard declarou hoje ao jornal VG que “as ameaças climáticas são talvez uma das mais importantes contribuições para a guerra e o conflito”.

Qualquer deputado nacional pode nomear um candidato ao Prémio Nobel da Paz.

O Comité Nobel Norueguês não comenta publicamente as nomeações que, para 2019, tiveram de ser apresentadas até 01 de fevereiro.

Comente a notícia

Obrigatório

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.