Jogador dos Falcões do Norte faz testes nos Estados Unidos da América

3/03/2019 23:54 - Modificado em 3/03/2019 23:55
| Comentários fechados em Jogador dos Falcões do Norte faz testes nos Estados Unidos da América

O jogador dos Falcões do Norte, Paulo Ricardo ou simplesmente “Kikas” como é conhecido, já está nos Estados Unidos da América onde, durante um período de 21 dias, vai tentar convencer os responsáveis de dois clubes americanos da segunda e terceira divisão respectivamente.

O extremo iniciou-se no futebol na Escolinha dos Falcões do Norte, tendo passado ainda pelo Batuque, Académica do Mindelo, equipas onde sagrou-se campeão. Nos juvenis Kikas representou a Académica do Mindelo.

Ainda com idade de juvenil, o jogador regressou para o clube de Chã de Alecrim, que lhe abriu as portas para a equipa sénior, com apenas 16 anos, onde viria a mostrar todos os seus dotes futebolísticos e que valeu a atenção de João de Deus que na altura era o líder dos “Tubarões Azuis” que o sugeriu a fazer testes na equipa de júniores do Vitória de Setúbal, em Portugal.

Depois de quase um ano nos sadinos, Kikas ingressou no Salgueiros, mas viria a retornar a Cabo Verde, por questões familiares. Já em Cabo Verde o extremo representou o Mindelense, Falcões do Norte e Académica do Mindelo.

O jogador viria a ter nova oportunidade de jogar na Europa, desta vez teve como destino a França, onde representou o Etoile du Sud equipa da quarta divisão francesa e passou ainda pelas reservas do Olimpique de Marselha do mesmo escalão de futebol, antes de regressar novamente para Cabo Verde, novamente devido a questões familiares.

Novamente no seu país natal o jogador representou o Sporting da Praia, onde ajudou o clube a conquistar todas as provas em que estava inserida, regressou para São Vicente e novamente vestiu as cores do Mindelense e finalmente o Falcões do Norte, equipa que milita na segunda divisão em São Vicente.

Kikas conhece mais um novo capítulo na sua carreira futebolística. Está neste momento  nos Estados Unidos da América, onde chegou neste fim-de-semana, para cumprir testes, durante 21 dias, em clubes da USL Championship (Segunda Divisão) e USL League (Terceira Divisão).

Kikas afirma que encara esta nova oportunidade como mais uma etapa na sua vida e que esforçou e muito para o conseguir. “Vou com tudo. Nem o frio vai impedir-me de conseguir” sustenta.

O extremo que tem na velocidade o seu ponto forte, descreve-se como um jogador rápido, forte tecnicamente e um jogador que gosta de provocar desequilíbrios.

Tal como todo o jogadore cabo-verdianos, Kikas vinca que o sonho é o de um dia representar a selecção de Cabo Verde, e espera conseguir este objetivo. “É o máximo que todos os jogadores sonham. É difícil mas sonhar é próprio do homem. Vou dar o meu melhor” conclui.

O jogador é agenciado pela empresa Paradigma Sports LLC, que pertence ao agente e director Tony Araújo.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.