Flores do Mindelo leva para o “sambódromo” 2019 “Um monte com cara de gente e um monte de gente cara”

21/01/2019 00:26 - Modificado em 21/01/2019 01:53
| Comentários fechados em Flores do Mindelo leva para o “sambódromo” 2019 “Um monte com cara de gente e um monte de gente cara”

O Grupo Carnavalesco Flores do Mindelo, leva este ano ao “sambódromo” da Rua de Lisboa o enredo “Um monte com cara de gente e um monte de gente cara” da autoria de Emanuel Ribeiro, e que destaca a ilha de Monte Cara e figuras que a marcaram.

Com o propósito de ir em busca do título de campeão do carnaval 2019, título que lhe foge há precisamente 8 anos, o grupo apostou forte, segundo a presidente Ana Soares.

Para lutar pelo título, o grupo não deixa nenhum detalhe de fora, pois sabe que terá concorrência forte. Ana Soares assegura que o grupo irá acender 140 velas durante a sua trajectória pelas ruas da Morada, para iluminar e dar os parabéns à cidade do Mindelo, a mais carnavalesca de Cabo Verde.

Nesta luta que se espera renhida, a presidente do Flores do Mindelo afirma que o grupo recrutou “Ske” Évora mestre-sala, que desfilou no ano passado pelos campeões em título, o Vindos do Oriente. No entanto o grupo volta a apostar em Laurinda Nascimento para Porta-bandeira e Cindimara Gomes volta novamente a ser a Rainha da Bateria.

Segundo a presidente, o grupo tem à sua disposição um orçamento de oito mil e 300 contos, verba essa proveniente da Câmara Municipal e do Ministério da Cultura e Indústrias Criativas. Um montante que, no entanto, poderá ser reforçado pois o grupo ainda busca apoios tanto das empresas como das instituições locais e nacionais.

O grupo Flores do Mindelo pretende colocar nas ruas da Morada 800 ou mais figurantes, três carros alegóricos, dois tripés e várias figuras de destaque.

As confecções dos trajes já estão em andamento e o início dos ensaios está previsto para sábado, 26 de Janeiro.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.