A AAVTCV regista com normalidade o anúncio da entrada em vigor da TAS

7/01/2019 00:13 - Modificado em 7/01/2019 00:13
| Comentários fechados em A AAVTCV regista com normalidade o anúncio da entrada em vigor da TAS

A Taxa Aeroportuária entrou em vigor no primeiro de janeiro deste ano. Medida esta implementada num conjunto de reformas no quadro legal que regulamenta o regime jurídico de entrada, permanência, saída e expulsão de estrangeiros do território nacional, o chamado Processo Eficiente, Automático e Seguro de Entrada de Viajantes – EASE.

A Associação garante que a medida poderá ser boa no quadro de reforço da segurança e controlo das entradas e saídas de turistas e estrangeiros no país, e que poderá ser uma oportunidade para as agências de viagens e turismo aumentarem o seu rendimento.

No entanto, é convicção da AAVTCV e seus associados que, assim como está a maioria das agências de viagens cabo-verdianas, que estas não estarão em condições de beneficiar da mesma, pelo menos no imediato, pois que as nossas agências, na sua maioria, não funcionam propriamente como agências de turismo e, quando acontece, o volume de negócios é ainda pouco expressivo. “O que equivale dizer que este novo quadro deverá beneficiar essencialmente as grandes agências emissoras de turistas.

Diz ainda que para que as agências de viagens e turismo cabo-verdianas possam ter uma parte importante desse bolo é preciso que estas possam desenvolver mais a vertente do turismo e aumentar os seus negócios, algo que desde a primeira hora ainda da candidatura desta gestão, mantemos sublinhado na nossa agenda e planos de atividades.

Para isso dizem-se seguros de que será necessário um programa de fomento empresarial e que possa ajudar as agências nesta necessária modernização e ampliação dos seus negócios e poderem assim acompanhar a evolução do mercado.

“Nestes sete meses à frente da nossa Associação, a direção da AAVTCV tem procurado alargar a sua base de parcerias de forma a ampliar o seu mercado e construir condições efetivas para a transformação das nossas agências de viagens em verdadeiras agências, também, turísticas e à conquista de novos mercados”.

Neste momento, avança a associação, alegando que estão em contatos “avançados com a nossa congénere de Macau para uma forte parceria” e que inclui áreas como a formação dos quadros associados, como também uma representação da AAVTCV, por forma a conseguirem uma melhor promoção do destino Cabo Verde junto àquela e outras regiões chinesas e naquela parte do Globo.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.