Júlio Correia: “Em vez da discussão em liberdade, estes ‘donos do Partido’ optam pela falácia de processo disciplinar”

14/12/2018 00:34 - Modificado em 14/12/2018 00:34
| Comentários fechados em Júlio Correia: “Em vez da discussão em liberdade, estes ‘donos do Partido’ optam pela falácia de processo disciplinar”

A direcção do PAICV  conforme  tinha anunciado mandou abrir processos disciplinares aos deputados que considera  que não acataram as orientações do partido no votação  do diploma que aprovou a criação das Regiões Administrativas, conhecida como lei da Regionalização .

O deputado Júlio Correia, eleito pelo Fogo nas listas do PAICV “reagiu na sua página do Facebook  a uma nota que recebeu  para prestar depoimento  no processo disciplinar, “E manda três recados “para as cabeças duras que governam este Partido, neste momento”

“A primeira nota é a da incongruência desta “perseguição administrativa”, que não se pode aceitar; a segunda a da nulidade do “processo disciplinar, que abre um precedente insustentável; e, finalmente, a incapacidade da atual direção de olhar para a árvore, numa cegueira perigosa em relação à floresta.

 E, perante estes elementos, a lealdade e a frontalidade nos obrigam a repudiar palhaçadas políticas que apenas trazem danos de imagem ao nosso Partido e, mais ainda, a perda de credibilidade. “

 JC prossegue dizendo  que começa a a duvidar da legitimidade de certas coisas e a admitir  “ que precisamos, antes que seja tarde, de colocar os pontos nos ii. Não se trata de guerra interna, papão que alguns levantam para dramatizar a existência da liberdade e da consciência dos deputados. 

Há sim vitalidade do partido que não atura o dirigismo, o culto de personalidade e a persistirem em tal disparate e leviandade, as coisas têm de ser levadas em consequência. Defendo aquele adágio que diz dar um boi para não entrar na briga, mas dar a manada toda para não sair dela. “ Considera que a direcção do seu partido “ em vez da discussão em liberdade, estes “donos do Partido” optam pela falácia de processo disciplinar, quando a questão, sendo política, exigiria, reflexão interna crítica e ampla”

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.