Termo de Identidade e Residência para burlona

2/12/2018 23:30 - Modificado em 2/12/2018 23:30
| Comentários fechados em Termo de Identidade e Residência para burlona

Foi detida na quinta-feira, 29, pela Polícia Judiciária, através da Secção Central de Investigação de Corrupção e Criminalidade Económica e Financeira, fora de flagrante delito, uma mulher suspeita de quatro crimes de burla qualificada. De acordo com a PJ, a detida trabalhava numa agência de viagens e, supostamente, ter-se-á aproveitado da qualidade de agente de vendas, com responsabilidade de fazer o atendimento aos clientes, para realizar reservas, fazer registos e venda de bilhetes de viagem para, através de uso de meio fraudulento, obter para si vantagem patrimonial de centenas de contos, tendo, com a sua conduta, causado prejuízos patrimoniais às vitimas e, também, a própria entidade patrimonial.

Além do Termo de Identidade e Residência foi-lhe aplicada ainda a interdição de saída do país.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.