Actriz Vera Holtz apresenta no Mindelact “Sonhos para vestir” interpretada por Sara Antunes

9/11/2018 00:33 - Modificado em 9/11/2018 00:33
| Comentários fechados em Actriz Vera Holtz apresenta no Mindelact “Sonhos para vestir” interpretada por Sara Antunes

 A actriz e encenadora brasileira Vera Holtz, encontra-se em Mindelo para a apresentação no Mindelact  “Sonhos para vestir”, peça que orienta e é interpretada por Sara Antunes e que vai ser apresentado nesta sexta-feira, 09 de Novembro.

O espectáculo da actriz brasileira deveria subir ao palco do Centro Cultural do Mindelo nesta quinta-feira, 08, mas foi adiado para sexta-feira, devido ao atraso num voo doméstico do Brasil, que fez com que as malas dos figurinos ficassem para trás. Em conferência de imprensa realizada nesta quinta-feira, no CCM, a actriz avançou que a peça foi encenada pela primeira vez em 2010.

“Confesso que conhecia muito pouca coisa do Mindelact e tenho algumas informações de Cabo Verde por causa da cantora Cesária Évora. Assisti na quarta-feira, duas peças teatrais e constatei que são espectáculos que estimulam o público com uma vivência criativa. Mais do que uma atitude de espectadora, você tem uma atitude de criadora” considera a actriz.

Desde a primeira encenação, explica Vera Holtz que Sara Antunes seguiu com as apresentações, que tem tido “muitos convites”. A actriz frisa que Sara Antunes queria homenagear o pai, pois vem de uma família onde o pai é padre e a mãe freira. “A Sara é uma actriz muito contemporânea, mais performativa, então é muito mais criativa e não reproduz um espectáculo, que alguém escreveu para ela. Expandiu o seu horizonte, e sempre se mostrou muito latente na homenagem que queria fazer ao pai, um padre que teve uma filha com uma freira”, conta a actriz.

Vera afirma que a família de Sara Antunes é de uma família muito envolvida com a espiritualidade e o espectáculo acabou por ser uma homenagem aos homens que têm paternidade, e sabem cuidar dos filhos. Segundo a actriz “Sonhos para vestir” foi inspirado numa exposição da artista plástica e actriz brasileira Analu Prestes e na sua obra “Memórias para vestir”, em que utilizava ”cartas afectivas” e as transformava em vestidos, em obras de arte.

“Eu disse vamos fazer sonhos para vestir, aquele que não está no passado, mas que a gente quer transformar em vida” expôs Sara Antunes, que é a única personagem desta peça, que como assegurou “não é propiamente um espectáculo mas sim um conto, uma poética”.

Conhecida em Cabo Verde pelos papéis interpretados nas novelas brasileiras, inclusive o de “Violeta”, Vilã das “Três Irmãs” que está sendo emitida neste momento na TCV, a actriz prepara-se assim para mostrar ao público mindelense esta sua faceta no mundo do teatro, nesta sexta-feira no CCM a partir das 21h30. O espectáculo de Vera Holtz esgotou a bilheteria no início do Festival.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.