Predadores sexuais de crianças á solta até a próxima vítima

4/11/2018 22:07 - Modificado em 4/11/2018 22:07
| Comentários fechados em Predadores sexuais de crianças á solta até a próxima vítima

Os predadores sexuais continuam atacando no silêncio dos lares, na família que deixou de ser um lugar seguro para muitas criança;  na impotência das autoridades  que só chegam depois do crime consumado.

São tantos os casos relatados que já não merecem  sequer destaque nos órgãos de comunicação social . É mais um caso. Mais uma detenção. Mais um número par a estatística . Mas quando a PJ  detém “um indivíduo do sexo masculino, de 43 anos, suspeito da prática, reiterada, de crimes de agressão sexual com penetração, agravado contra a filha, que à data dos factos contava com 11 anos.” Não devia nem pode ser mais “um caso” ou mais “um número”. Ou uma simples notícia que ninguém comenta ou  partilha nas redes sociais. Mas que mostra que essa criança foi violada onde devia ser o seu lar, onde devia sentir-se segura e protegida, mas que lá estava o predador e os cúmplices. “Presume-se que o suspeito aproveitava da ausência da companheira para, sob ameaça de morte, obrigar a menor a manter relações sexuais com ele, em número incontável de vezes”. Mais um relato . Até a próxima vitima .

No Mindelo , foi detido pela Brigada de Investigação dos Crimes Contra as Pessoas, fora de flagrante delito, um individuo de sexo masculino, de 26 anos, suspeito da prática de crimes de abuso sexual de criança na sua forma agravada. Mais um número . Até a próxima  vítima, enquanto os predadores sexuais , continuam nos lares , na vizinhança  lendo está notícia  até a próxima … vítima.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.