YouTube. Nova lei europeia pode “mudar drasticamente a Internet”

24/10/2018 20:19 - Modificado em 24/10/2018 20:19
| Comentários fechados em YouTube. Nova lei europeia pode “mudar drasticamente a Internet”

O conhecido Artigo 13 foi alvo de críticas da CEO Susan Wojcicki.

Uma vez aprovado o Artigo 13 pela Comissão Europeia, a CEO do YouTube, Susan Wojcicki, manifestou-se publicamente contra a medida numa publicação de blogue, na qual escreve que pode “mudar drasticamente a Internet”.

“O Artigo 13 na sua forma atual ameaça remover a capacidade de milhões de pessoas – de criadores como vocês até utilizadores comuns – de carregarem conteúdo para plataformas como o YouTube”, aponta Wojcicki. A executiva avisa ainda que a medida “ameaça bloquear os utilizadores na Europa de ver conteúdo que já está disponível nos canais de criadores em todo o lado”.

“A proposta poderá forçar plataformas, como o YouTube, de permitir apenas conteúdo de um pequeno conjunto de grandes empresas. Seria demasiado arriscado para plataformas receber conteúdo de pequenos criadores de conteúdo original porque as plataformas passariam a ser responsáveis por esse conteúdo”, explica ainda a líder da plataforma de vídeos da Google.

Wocicki acaba com um apelo para que os criadores de conteúdos no YouTube reflitam sobre o Artigo 13 e como os pode afetar, isto para que possam começar a espalhar a palavra para a importância de impedir que a medida venha a ser implementada.

Como recorda o TorrentFreak, se implementado, o Artigo 13 impediria que qualquer utilizador usasse conteúdo protegido por direitos de autor, colocando assim em causa tipos de partilhas como ‘memes’. Desta forma, plataformas como o YouTube, Facebook e Twitter seriam obrigadas a remover este tipo de publicações.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.