PAICV diz que não vai votar proposta de Lei da Regionalização

24/10/2018 16:57 - Modificado em 24/10/2018 16:57
| Comentários fechados em PAICV diz que não vai votar proposta de Lei da Regionalização

Apesar de garantir que o Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV) apoiar a regionalização, a deputada e líder do PAICV (principal partido da oposição), Janira Hoppfer Almada advertiu o governo que o seu partido não vai votar a proposta regionalização que represente mais despesas para o Estado e mais custos para os bolsos dos cabo-verdianos.

“Enquanto não houver reformas necessárias, enquanto cada cabo-verdiano não entender que não vai pagar mais pela criação de mais uma estrutura, de mais políticos, mais despesas, não haverá regionalização”, avisou.

Para a aprovação da proposta da regionalização é necessária a maioria qualifica, ou seja, pelo menos dois terços dos votos dos deputados, que o partido da maioria não dispõe. Por isso é necessário um consenso entre os partidos com assento parlamentar.

A líder do PAICV considera que ao levar a proposta para o Parlamento sem a aproximação das posições, o Governo quer libertar-se e desresponsabilizar-se desse compromisso de campanha com São Vicente e Cabo Verde, colocando a culpa nos partidos da oposição.

NN/Inforpress

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.