Durante 14 anos visitaram a campa errada

21/10/2018 23:57 - Modificado em 21/10/2018 23:57
| Comentários fechados em Durante 14 anos visitaram a campa errada

Conselho Municipal não consegue explicar o que está na origem do erro.

Após 14 anos de visita à campa da avó, em Penarth, no País de Gales, Katherine Quick descobriu que a sua avó tinha, afinal, sido enterrada noutro local.

Marions Jarvis deveria ter sido enterrada na mesma sepultura que os seus avós Elizabeth e John Hooper. Isso, no entanto, não chegou a acontecer.

A descoberta foi feita mais de uma década depois, quando  filha de Katherine, Alice, nasceu sem vida, e ela pediu que as cinzas do bebé fossem enterradas ao lado de Marion.

O Conselho Municipal de Penarth admitiu o erro mas não consegue explicar como é que esta situação aconteceu porque “ninguém que trabalhou no conselho naquela altura, trabalha aqui agora”.

Marions Jarvis, que teria hoje 82 anos, morreu vítima de cancro no peito e no estômago em 2003, noticia o Mirror.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2021: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.