Festa do Futebol está de regresso ao Adérito Sena com a Supertaça

18/10/2018 23:24 - Modificado em 18/10/2018 23:24
| Comentários fechados em Festa do Futebol está de regresso ao Adérito Sena com a Supertaça

O desporto rei está de volta ao grande palco do futebol em São Vicente, com o Estádio Municipal Adérito Sena a receber no sábado, 20, a final da Supertaça entre CS Mindelense campeão regional e o Batuque FC detentor da Taça de São Vicente.

Com olhos postos no primeiro troféu da época futebolística 2018/19, Mindelense e Batuque entram em campo focados no único objectivo; vencer a supertaça e arrancar da melhor forma a nova época.

Ao NN, o treinador do Mindelense, Rui Alberto Leite, diz estar confiante e focado na conquista do primeiro troféu da época em São Vicente, mesmo com todos os percalços que a equipa tem passado neste início de época. “Realmente a equipa está renovada, os processos e forma da estrutura táctica alteraram. Claro que não tem sido fácil e nós estamos só na terceira semana de treinos” assegura.

Mesmo com apenas poucas semanas de treinos, em relação ao adversário que já ultrapassou a barreira de um mês, o técnico encarnado aponta que a equipa está preparando para se apresentar bem no jogo da Supertaça. “Mas penso que quando entrarmos em campo, isso vai ser minimizado, e que seja um bom jogo e os adeptos possam disfrutar do jogo” certifica Rui Alberto.

Um dos casos maiores no início desta época desportiva em São Vicente, está relacionado com a disputa da Supertaça antes ou depois da realização do Torneio Abertura. A proposta da ARFSV era que a Supertaça seria disputada depois da realização do Torneio Abertura, proposta esta prontamente declinada na Assembleia de Clubes, pela maioria dos clubes afiliados. Ora, nesta óptica, o treinador dos «Leões da Rua de Praia», afirma que prepararam a época tendo em conta o modelo apresentado anteriormente pela ARFSV. Mas devido a mudança por imposição dos clubes ficaram em “desvantagem”, mas que isso não serve de desculpas.

“Os adeptos são o nosso 12º jogador, sem dúvida nós necessitamos do seu apoio. Nós vamos dignificar a nossa camisola”, conclui o treinador encarnado.

Leitura próxima faz o treinador do Batuque FC, Pedro Brito «Bubista», que via com bons olhos a realização da Supertaça após a realização do Torneio Abertura, justificando que serve para rodar jogadores e que estes teriam assim mais jogos nas pernas antes da Supertaça. “Claramente que o jogo seria mais disputado, mas respeitamos a vontade dos clubes”.

Para o embate com os tetra campeões regionais, “Bubista” promete uma equipa “ambiciosa e 100% focada na vitória, mas com o devido respeito pelo nosso adversário que é campeão regional em título”. Sobre o plantel para a nova temporada o treinador certifica que tem à sua disposição cerca de 30 jogadores. “O plantel não está fechado, ainda é muito cedo para dizer isso. Além do mais, o Torneio Abertura é precisamente para testar jogadores e saber se estão a altura ou não de ficarem no plantel”. Afirmou que estão 8 jogadores juniores fazendo a pré-epoca com a equipa principal.

O treinador quer vencer a Supertaça para arrancar da melhor forma possível a época 2018/19, onde tem traçado como objectivos vencer títulos. “Ambição é trabalhar e ir ganhar sempre. Por outras palavras vamos correr atrás dos títulos a começar pela Supertaça”.

O jogo entre CS Mindelense e Batuque FC está agendado para as 15:30 de sábado, 20, no Estádio Adérito Sena, que abrirá assim oficialmente as portas para a nova temporada futebolística na ilha do Monte Cara.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2019: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.