Manuel Conceição “Conch” ataca de novo a presidência do Mindelense

17/09/2018 23:40 - Modificado em 18/09/2018 00:09
| Comentários fechados em Manuel Conceição “Conch” ataca de novo a presidência do Mindelense

Manuel Conceição “Conch” é de novo candidato à presidência do Mindelense. Depois de em 2015 não ter levado a sua candidatura até ao fim por considerar que na altura, e nas palavras dele, ter havido “fraude eleitoral interna” e com isso acrescenta, “não estavam reunidas as mínimas condições de transparência, imparcialidade, credibilidade e democracia interna” para a realização do ato eleitoral. Para as próximas eleições posiciona-se desde já – as eleições estão marcadas para o mês de Dezembro – na corrida à presidência do Mindelense. “Conch” acredita que desta vez estão reunidas todas as condições para que a sua candidatura vá ao pleito eleitoral.

O candidato à presidência do Clube Sportivo Mindelense, Manuel Conceição, almeja ter uma oportunidade de conduzir os destinos do clube da “Rua da Praia”.

“Como sempre sou candidato, à presidência do clube, isso porque sou uma velha glória do clube e preciso colocar na prática todos os projectos que tenho para o clube desde 1998 para, e também, mudar o rumo do Mindelense”, avança o candidato, ao mesmo tempo que aponta o dedo a Daniel de Jesus, no cargo deste de 22 de Agosto de 2015, e o acusa de estar à frente dos campeões regionais de forma ilegal.

Segundo o nosso entrevistado, o mandato á presidência do clube é de dois anos e já lá vão três anos de mandato. Também, conforme explica, pretende defender-se das calúnias que têm vindo a circular sobre a sua pessoa e garante a vontade de mostrar aos mindelenses o que verdadeiramente se tem vindo a passar-se dentro do clube.

Dos seus projectos para clube e caso venças as eleições faz parte trazer de volta o ciclismo, como modalidade do clube. Aposta também no criquete, futebol feminino “como deve ser” e ainda resgatar as modalidades de andebol, basquetebol e atletismo. São, nas suas palavras “virtudes que o Mindelense teve desde dos primórdios”.

Em relação a projectos de estabilização das dívidas pretende, juntamente com os membros da sua candidatura, trabalhar em prol da estabilização das finanças do clube que no seu dizer “estão num abismo”. Acrescenta que “todos os que entraram não conseguiram estabilizar o clube, quer a nível financeiro quer a nível desportivo”. Critica o que vem sendo o desempenho do clube no campeonato nacional.

“Estou com a minha equipa no terreno para desmistificar tudo aquilo que têm dito sobre mim. Para eles sou um alvo a abater”. Mas afiança que não vão conseguir porque “terei cada vez mais força para ir até ao fim com a minha candidatura, porque sou o homem certo no momento certo para fazer a mudança no Clube Sportivo Mindelense”.

Em relação a história do clube, garante que no próximo ano, do centenário do clube, a 25 Maio 2019, pretende lançar um livro com uma história sucinta do clube.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2020: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.